Tamanho do texto

Banda apresentou seu show clássico com boa cota de hits, mas seus fãs não eram maioria no palco Ônix e a apatia prevaleceu. Veja como foi o show

Quando o Interpol subiu no palco Ônix, durante o terceiro e último dia de Lollapalooza, os fãs da banda Twenty One Pilots já se aglomeravam na grade.

Leia também: Gabriel, o Pensador faz show político e cheio de críticas no Lollapalooza

Banda Interpol
Thiago Almeida
Interpol se apresenta no Lollapalooza Brasil

Com um setlist repleto de hits da carreira, o Interpol entregou um show para fãs, embora eles não fossem maioria. Apesar do público estar morno, talvez ansioso para o show da dupla americana, a banda se esforçou para levantar os presentes.

Em faixas como Evil , Fine Mess e All The Rage Back Home , o público e a própria banda já pareciam mais animados.

O telão em preto e branco combinava com o céu cinza e com o setlist da banda, conhecida por fazer um rock sujo, cheio de letras melancólicas.

Leia também: Potência feminina e cancelamentos marcam participação brasileira no Lolla 2019

O Interpol entregou o de sempre, boas músicas, nostalgia, e bons riffs de guitarra. Pena que para um público apático.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.