Tamanho do texto

Enquanto alguns lutam para conquistar a honraria, eles dominam o tapete vermelho da premiação mais famosa do mundo em sua primeira experiência

Ser indicado ao Oscar é uma das maiores honras que um artista pode receber. Enquanto alguns, que têm carreira de longa data, ainda não alcançaram esta conquista, outros como Yalitza Aparício conseguiram o reconhecimento em seu primeiro trabalho cinematográfico.

Leia também: "Roma" e "A Favorita" lideram corrida pelo Oscar 2019; veja os indicados

Yalitza Aparício
Divulgação
Yalitza Aparício

Faltando cerca de um mês para o Oscar , tradicional premiação que acontecerá no dia 24 de fevereiro, o iG Gente compilou alguns dos artistas, incluindo Yalitza Aparício , que emplacaram uma indicação com seu primeiro trabalho cinematográfico . Da comédia ao drama, eles definiram seu lugar ao sol mais cedo que os demais.

Leia também: Esnobada! Veja quem ficou de fora e merecia uma indicação ao Oscar 2019

Encabeçando a lista está a intérprete de Cleo no filme “ Roma ”. A estreante no ramo viveu uma empregada doméstica na produção em preto e branco e conquistou uma indicação de Melhor Atriz no Oscar 2019, além de uma série de nomeações em premiações variadas, como Satellite Awards e Chicago Film Critics Association.

  • Barbra Streisand
Barbra Streisan em
Divulgação
Barbra Streisan em "Funny Girl"

Dona de uma carreira musical meteórica nos anos 60, Barbra Streisand também está entre os artistas que emplacaram uma indicação de cara, ou seja, em sua primeira experiência nas artes cênicas. Barbra protagonizou o filme “Funny Girl - Uma Garota Genial” (1968) e, marcando a história do evento, saiu vitoriosa na categoria Melhor Atriz.

  • Lupita Nyong'o
Lupita Nyong'o em
Divulgação
Lupita Nyong'o em "Doze Anos de Escravidão"

Diferente de muitos que começam pelo teatro, Lupita deu o pontapé inicial em sua carreira artística ao atuar no cinema, no drama história “12 anos de Escravidão” (2014). Na trama, ela vive uma jovem escrava que é submetida à brutalidade verbal, física e sexual de seu proprietário (Michael Fassbender) e sua esposa ciumenta (Sarah Paulson).

O desempenho da atriz foi tão aclamado pela crítica que acabou lhe rendendo indicações na categoria Melhor Atriz Coadjuvante nas principais premiações de cinema.  Ao final, ela saiu vitoriosa em cerimônias como Screen Actor Guild e o Oscar, onde disputou a estatueta com lendas como Jennifer Lawrence e Julia Roberts.

  • Oprah Winfrey
Oprah Winfrey em
Divulgação
Oprah Winfrey em "A Cor Púrpura"

O nome "Oprah" é sinônimo de sucesso e ninguém pode negar. A empresária já fez de tudo um pouco, incluindo se jogar no mundo da atuação, e a primeira vez que a apresentadora emergiu neste universo foi para complementar a trama em “A Cor Púrpura”, de 1985.  

À época, Oprah foi indicada como Melhor atriz Coadjuvante tanto no Globo de Ouro quanto no Oscar. Recentemente ela voltou ao ramo cinematográfico ao interpretar Annie Lee Cooper em “Selma” (2014).

  • Anna Paquin
Anna Paquin
Divulgação
Anna Paquin

Aos quatro anos de idade, Anna Paquin já estava sendo introduzido no mundo do entretenimento. No entanto, sua primeira experiência nas artes cênicas aconteceu, de fato, quando a pequena arrematou o papel de Flora McGrath em "O Piano" (1993), aos 11 anos de idade.  O sucesso foi tanto que ela conquistou sua primeira indicação ao Oscar na categoria Melhor Atriz Coadjuvante.  

  • Quvenzhane Wallis
Wallis é a atriz mais jovem a conquistar uma indicação no Oscar
Divulgação
Wallis é a atriz mais jovem a conquistar uma indicação no Oscar

"Pequenos frascos, grandes perfumes". Esta frase cabe corretametente em Quvenzhane Wallis. atriz mais jovem indicada ao prêmio de cinema. Aos nove anos de idade, Quvenzhane concorreu na categoria Melhor Atriz por sua atuação em “Indomável Sonhadora” (2013). Apesar de não ter ganhando, este foi apenas o início de sua joranda. A norte-americana tem 15 anos atualmente.

Depois do sucesso, ela atuou em produções como “Annie” (2014), “Doze Anos de Escravidão” (2013), entre outras.

  • Gabourey Sidibe
Gabourey em
Divulgação
Gabourey em "Preciosa"

A atriz Gabourey Sidibe deu o pontapé inicial em sua carreira no título “Preciosa”, que foi indicado ao Oscar em 2009. Sua interpretação como Clairecee Preciosa Jones, uma garota de 16 anos que é abusada sexualmente por seus pais, lhe rendeu indicações para Melhor Atriz nos BAFTAs, SAGs, Globo de Ouro e Oscar. Desde então, ela participou de outras produções como "American Horror Story" e "The Big C".

  • Jennifer Hudson
Jennifer Hudson em
Divulgação
Jennifer Hudson em "Dreamgirls"

Apesar de Hudson ter conquistado sucesso e reconhecimento em 2004, como concorrente do talent-show "American Idol", ela seguiu os passos de Barbra Streisand e se jogou na indústria cinematográfica. Interpretando Effie White em "Dreamgirls" (2006), em sua primeira experiência como atriz ela foi ovacionada pelo público e conquistou estatuetas em premiações como BAFTA, Globo Ouro, Screen Actor Guild Awards e Oscar na categoria Melhor Atriz Coadjuvante. 

  • Keisha Castle-Hughes
Keisha em
Divulgação
Keisha em "Encantadora de Baleias"

Antes de Quvenzhane, quem ostentava o título de pessoa mais jovem indicada ao Oscar era Keisha. Aos 12 anos de idade, a australiana viu sua primeira experiência como atriz ganhar forte repercussão ao conquistar uma nomeação na categoria Melhor de Atriz em uma das premiações de maior prestígio do mundo.  Keisha interpretou Kahu em "Encantadora de Baleias" (2004).

  • Yalitza Aparício
Yalitza Aparício em
Divulgação
Yalitza Aparício em "Roma"

Leia também: Indicado a Melhor Filme, "Pantera Negra" faz história no Oscar

Fechando a lista está de atrizes que conquistaram uma indicação ao Oscar em seu primeira papel está  Yalitza Aparício , a Cleo de "Roma". Além deste feito, a mexicana também alimentou um movimento tímido de artistas latinos que pouco a pouco conquistam espaço na premiação, como a Catalina Sadino Moreno, por "María Ilena Eres de Gracia", e Fernanda Montenegro, por "Central do Brasil". 

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.