Tamanho do texto

A 75ª edição tem início em agosto e conta com filmes da Netflix na disputa

O Festival Internacional de Cinema de Veneza, mais conhecido como apenas Festival de Veneza, já está em sua 75ª edição e anunciou os filmes que participarão da mais recente disputa ao famoso Leão de Ouro.

O Festival de Veneza é organizado pela Bienal de Veneza, consiste em 20 filmes competindo pelo disputado leão de ouro
Divulgação
O Festival de Veneza é organizado pela Bienal de Veneza, consiste em 20 filmes competindo pelo disputado leão de ouro

Leia também: Festival Varilux traz o melhor do cinema francês para 63 cidades brasileiras

O Festival de Veneza , considerado o festival de cinema mais tradicional do mundo, consiste na competição de 20 filmes pelo prêmio característico do evento em questão, o Leão de Ouro. Dessa vez, alguns filmes produzidos pela famosa plataforma de streaming, Netflix , estão participando da disputa.

O festival divulgou os filmes que compõem todas as suas mostras. Na seção denominada "Fora de competição", se enquadram os filmes que tiveram maior relevância no decorrer do ano. Já em "Clássicos de Veneza", é possível relacionar as restaurações dos filmes antigos que tiveram os melhores resultados. Também há a seção chamada "Sconfini", a qual separa uma série de produções sem vínculos de gênero ou duração. 

As seções que estão sujeitas à premiação são a "Venezia 75", que traz à tona o já mencionado Leão de Ouro, principal prêmio do evento.  A seção que se chama "Seção Horizontes" traz os filmes que apresentam uma proposta com uma perspectiva totalmente nova e expressiva. Por fim, o "Venice Virtual Reality" apresenta filmes relacionados com realidade virtual.

O diretor do Festival de Veneza
Divulgação
O diretor do Festival de Veneza

Leia também: Nos EUA, Netflix já supera interesse por TVs aberta e paga 

A 75ª edição do festival conta com filmes da Netflix entre os concorrentes

Durante uma coletiva de imprensa realizada nesta quarta (25), o diretor do festival, Alberto Barbera, declarou: "Há muitos filmes da Netflix neste ano, cinco ou seis".  Dentre os filmes que entram nessa questão, é possível observar o faroeste "The Ballad of Buster Scruggs", dos irmãos Coen, e o drama em preto e branco "Roma".

Na edição mais recente do festival, que começa em agosto, filmes brasileiros foram selecionados: "Deslembro", de Flavia Castro, "Domingos", de Clara Linhart e Fellipe Barbosa e "Humberto Mauro", de André di Mauro.

Confira as produções que integram a mostra competitiva de Veneza:

"O Primeiro Homem", Damien Chazelle
"The Mountain", Rick Alverson
"Doubles Vies", Olivier Assayas
"The Sisters Brothers", Jacques Audiard
"The Ballad of Buster Scruggs", Ethan Coen, Joel Coen
"Vox Lux", Brady Corbet
"Roma", Alfonso Cuaron
"22 July", Paul Greengrass
"Suspiria", Luca Guadagnino
"Opera Senza Autore", Florian Henckel Von Donnersmarck
"The Nightingale", Jennifer Kent
"The Favourite", Yorgos Lanthimos
"Peterloo", Mike Leigh
"Capri-Revolution", Mario Martone
"What You Gonna Do When the World's On Fire?", Roberto Minervini
"Sunset", Laszlo Nemes
"Freres Ennemis", David Oelhoffen
"Nuestro Tiempo", Carlos Reygadas
"At Eternity's Gate", Julian Schnabel
"Acusada", Gonzalo Tobal
"Killing", Shinya Tsukamoto

Leia também: Novo filme de Guillermo del Toro ganha o Leão de Ouro no Festival de Veneza

O Festival de Veneza  tem início no fim do mês de agosto e conta com o premiado Guillermo Del Toro como presidente do júri da disputa pelo Leão de Ouro.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.