Tamanho do texto

Cineasta elogia novos rumos tomados pela franquia e a visão dos diretores Colin Trevorrow e J.A Bayona. Confira o depoimento em vídeo

A estreia de "Jurassic World: Reino Ameaçado" está marcada para esta quinta-feira (21), mas o filme já tem pré-estreias concorridas pelo País desde o dia 14. No vídeo divulgado pela Universal Pictures, Steven Spielberg comenta o legado de "Jurassic Park", de 1993, e como o novo filme se relaciona com ele. "Eu não acredito que já se passaram 25 anos", observa o cineasta.

Leia também: Com "The Post", Spielberg reafirma valores do jornalismo como ciência social

Steven Spielberg fala sobre o leado de
Divulgação
Steven Spielberg fala sobre o leado de "Jurassic Park"

Para Steven Spielberg , todos os filmes "Jurassic Park" se conectam por algo em comum: foram criados por cineastas que amam a arte de fazer cinema e isso é perceptível aos espectadores. Colin Trevorrow, diretor do primeiro longa da nova franquia “Jurassic World – O Mundo dos Dinossauros”, foi o responsável por apresentar a saga à uma nova geração de fãs: “É muito raro na história de um cineasta e de um estúdio ter algo que se conecte com o público da maneira como Jurassic Park fez [...] Jurassic World foi a celebração de algo que amamos. Este novo filme é diferente”.

Em contrapartida, a visão diferenciada de J. A Bayona – escolhido para a direção do segundo capítulo  “Jurassic World: Reino Ameaçado”  – trouxe um novo ar para a história: “Desde o início, Reino Ameaçado é uma história de Jurassic bem diferente. Não é mais sobre pessoas resgatando pessoas. É sobre pessoas resgatando dinossauros”, explica.


Leia também: Steven Spielberg afirma que filmes da Netflix não merecem concorrer ao Oscar

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.