Tamanho do texto

Ator indicado ao Oscar aparecerá como o vilão em duas das maiores produções do ano: “Vingadores: Guerra Infinita” e “Deadpool 2”

A Marvel tem preparado o público para a aguardada aparição de Thanos desde o primeiro “Vingadores”, quando o Senhor da Guerra faz uma breve aparição nas cenas pós-crédito. Em 2012 quando o filme foi lançado, ainda não havia nem um nome confirmado para interpretar o papel, mas já se sabia que ele seria o grande vilão no futuro do horizonte dos heróis.

Josh Brolin dá vida ao aguardado vilão Thanos em
Divulgação
Josh Brolin dá vida ao aguardado vilão Thanos em "Vingadores: Guerra Infinita", que estreia na quinta-feira (26)

Em “Guardiões da Galáxia”, já com Josh Brolin confirmado no papel, o personagem fez sua primeira aparição oficial. E desde então o público tem aguardado o surgimento do temido vilão. Pois a espera acabou e Josh Brolin vai incorporar de vez Thanos com a chegada de “Vingadores: Guerra Infinita” aos cinemas na próxima quinta-feira (26).

Leia também: "Guerra Infinita", novo de Scorsese e mais: os 20 filmes imperdíveis de 2018

Ao interpretar o vilão, Thanos será responsável não só por muita destruição, como deve refletir no futuro dos Vingadores como um grupo. Além da batalha com os principais heróis, o filme promete um reencontro com suas filhas Gamora (Zoa Saldana) e Nebula (Karen Gillan), sedentas por vingança.

Josh Brolin: de vilão em vilão

Ainda este ano, ele também fará outro vilão do Universo Marvel: ele será Cable em
Divulgação
Ainda este ano, ele também fará outro vilão do Universo Marvel: ele será Cable em "Deadpool 2"

Mas se a aparição de Thanos é um dos momentos cinematográficos mais aguardados do ano, não é o único momento em que veremos o ator nas telonas. Com um ano cheio, Josh Brolin também será um outro vilão, e outra adaptação dos quadrinhos, também da Marvel, mas dessa vez com a Fox, e não a Disney.

Leia também: Cinco pistas de que "Deadpool 2" será um dos maiores sucessos de 2018

Em “ Deadpool 2”, que estreia em maio, ele será Cable, perseguido por Deadpool (Ryan Reynolds), que juntará um grupo de heróis para derrota-lo. Nos quadrinhos, os dois se conhecem de maneira parecida, com Deadpool tentando matar Cable, mas acabaram se tornando grandes amigos, formando uma das duplas mais improváveis das HQs.

Não há como saber se o mesmo acontecerá no filme, porém o ator já comentou em uma entrevista para a Empire que existem planos para mais quatro aparições de Cable após “Deadpool 2”.

Fora da Marvel

Também este ano ele retorna ao papel de Matt Graver na sequência de
Divulgação
Também este ano ele retorna ao papel de Matt Graver na sequência de "Sicario"

Mas não é só de franquias de heróis que vive o ator. Este ano também promete um filme fora desse universo, mas que também é uma sequência. “Sicario: Dia do Soldado” tem lançamento planejado para junho nos EUA, e terá de novo o ator no papel do agente do FBI Matt Graver. Com caráter duvidoso, ele não mede esforços para alcançar seus objetivos, mesmo que implique passar por cima de todos.

Mas o ano de Brolin ainda não acabou e, antes de retomar o papel de Thanos na continuação de Guerra Infinita em 2019, ele ainda estreia mais um filme em 2018. Dessa vez, porém, com um perfil completamente diferente dos anteriores.

Ainda sem data de lançamento, mas exibido no festival SXSW, Josh Brolin estrela “The Legacy of a Whitetail Deer Hunter” ao lado de Danny McBride. No longa de Jody Hill ele faz um caçador que decide passar um fim de semana na floresta com o filho distante e seu melhor amigo. Enquanto repensa alguns aspectos de sua vida, os três vivem uma aventura.

Leia também: Os dez melhores coadjuvantes dos filmes da Marvel

Com uma vasta carreira, que inclui uma longa parceria com os irmãos Coen e uma indicação ao Oscar, Josh Brolin chega aos 50 anos em ritmo acelerado, levado por vilões e filmes independentes.