Tamanho do texto

Filme que estreia nesta quinta-feira (19) no Brasil e integrou a 41ª Mostra Internacional de Cinema de São Paulo se fia em clichês do cinema norte-americano, mas com cadência e perspectiva europeia; leia a crítica

Não é comum nos depararmos com comédias românticas alemãs, mas superada a estranheza inicial - mais uma questão de circuito e acesso no Brasil do que falta de expediente alemão nesse departamento - "De Encontro com a Vida" se comunica tão direta e linearmente com o público como qualquer boa comédia estadunidense. 

Leia também: "Aos Teus Olhos" e mais sete filmes que mostram as consequências de polarizações

Cena do filme De Encontro com a Vida, que entra em cartaz nesta quinta-feira (19) em diversas cidades brasileiras
Divulgação
Cena do filme De Encontro com a Vida, que entra em cartaz nesta quinta-feira (19) em diversas cidades brasileiras

Dirigido por Marc Rothemund , do indicado ao Oscar "Uma Mulher Contra Hitler", "De Encontro com a Vida" traz em seu cernealgumas lições de moral, adornadas com candura e sensibilidade, e um humor tenro e gracioso. É um filme que os americanos costumam chamar de feel good movie e, não à toa, alguns clichês do cinema norte-americano gravitam a obra de Rothemund.

Leia também: Vencedor de dois Oscars, cineasta Milos Forman morre aos 86 anos

Saliya (Kostja Ulmman) ficou parcialmente cego quando adolescente. Apesar disso, não desistiu do seu sonho de trabalhar em um hotel de luxo. Sem contar a ninguém que mal vê, o rapaz consegue um estágio no hotel mais conceituado de Munique. Aos poucos ele vai ganhando aliados. Tudo se desestabiliza quando ele se apaixona por Laura (Anna Marie Mühe) e sua limitação física parece ganhar mais imponência. 

Rothemund é hábil no equilíbrio de humor e drama e encontra espaço para fazer alegorias em sua obra - atenção ao arco envolvendo um cozinheiro afegão. O tom do filme, no entanto, é mesmo de valorar a força de vontade como elemento transformador e, nesse sentido, o filme é muitíssimo bem sucedido.

Amizade e camaradagem em De Encontro com a Vida
Divulgação
Amizade e camaradagem em De Encontro com a Vida

Bem organizado narrativamente e com um elenco afinado, "De Encontro com a Vida" subestabelece a leveza de um cinema alemão que objetiva entreter e que, justamente por isso, merece ser levado tão a sério, por circuito e público, quanto os filmes água com açúcar produzidos nos EUA. 

Leia também: Capitalizado, Spotify entra em nova fase e vira referência no streaming

"De Encontro com a Vida" estreia em  São Paulo, Rio de Janeiro, Santos, Belo Horizonte, Brasília, Campinas, Curitiba, Florianópolis, Fortaleza, Maceió, Manaus, Niterói, Porto Alegre, Recife, Ribeirão, Salvador, Santo André, São Bernardo do Campo, São José dos Campos e Vitória nesta quinta-feira (19).