Tamanho do texto

A obra, lançada em março, ocupou a 19ª posição no ranking de Não Ficção

A reflexão sobre o momento atual político brasileiro pelo ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva foi retratada em “A verdade vencerá: o povo sabe por que me condenam”, da editora Boitempo. Lançado em 16 de março, o livro entrou para a lista de mais vendidos do país no mesmo dia em que a figura pública deveria se entregar à sede da Polícia Federal em Curitiba.

Livro de Lula chega a lista de mais vendidos esta semana
Reprodução
Livro de Lula chega a lista de mais vendidos esta semana

Leia também: Monica Iozzi ironiza decisão de Sérgio Moro em post no Instagram

O livro de Lula ocupou a 19ª posição entre os livros de não ficção de acordo com o ranking da Publishnews com 440 cópias vendidas. Na obra, o ex-presidente mostra o seu lado da história por meio de entrevistas dadas aos jornalistas Juca Kfouri e Maria Inês Nassif, além do professor de relações internacionais Gilberto Maringoni e à editora Ivana Jinkings, que também é diretora da Boitempo.

Leia também: Banda de rock Trampa faz clipe tocando o terror em Brasília e critica Bolsonaro

A obra ainda traz textos de Eric Nepomuceno, Luis Fernando Verissimo, Luis Felipe Miguel e Rafael Valim, além de uma cronologia da vida de Lula organizada pelo jornalista Camilo Vannuchi e deois cadernos com fotos históricas da figura, desde a época do sindicato até à presidência. O ebook do livro de Lula está disponível gratuitamente até o dia 13 de abril, nas livrarias Amazon, Apple, Cultura, Google, Kobo e Saraiva.

Leia também: Em vídeo, Agnaldo Timóteo mostra apoio à Lula e xinga população do sul

Além de Lula

Biografia de Jesus também integra lista de mais vendidos
Reprodução
Biografia de Jesus também integra lista de mais vendidos

Ainda dentro da categoria de Não Ficção, outras histórias ganharam destaque na semana de acordo com a Publishnews. A biografia “Jesus – o homem mais amado da história (LeYa), de Rodrigo Alvarez aparece também pela primeira vez na lista ocupando a sétima posição da categoria com 1140 cópias vendidas. Vale lembrar que as vendas de não ficção caíram em 17%.

Além de Lula e Jesus, há outras novidades na semana que merecem atenção. Em ficção “A princesa salva a si mesma neste livro (LeYa) também estreia na lista ocupando a 16ª posição com 745 unidades vendidas e dois livros da Ciranda Cultural para colorir, “Barbie” e “Canina” ganham espaço no infanto-juvenil.

    Leia tudo sobre: Lula