"Eu quero agradecer à Academia. Deus, eu nunca pensei que iria falar essas palavras", disse Sam Rockwell, eleito o melhor ator coadjuvante no Oscar 2018 por seu papel como o policial racista de "Três Anúncios para um Crime". 

Leia também: Oscar 2018: saia-justa com Ryan Seacrest marca o tapete vermelho

undefined
Divulgação
Sam Rockwell agradece seu Oscar de ator coadjuvante

Sam Rockwell agradeceu, ainda, seu colegas indicados na categoria, Christopher Plummer, Richard Jenkins, Willem Dafoe e Woody Harrelson, que também concorria por "Três Anúncios para um Crime".  "Vocês arrasam. Vocês são demais!" 

O ator disse que seria rápido no discurso de agredecimento e brincou com o anfitrião da cerimônia, Jimmy Kimmell, que havia oferecido um jet ski para quem fizesse o discurso mais rápido da festa. Mas agradeceu a todos os envolvidos na produção do filme. 

O Oscar de ator coadjuvante foi o primeiro prêmio entregue na noite. Antes de Viola Davis, vencedora na categoria de Atriz Coadjuvante no ano passado,  anunciar o prêmio foi exibido um clipe com vencedores anteriores da categoria. 

    Veja Também

      Mostrar mais