Tamanho do texto

COM SPOILERS. Após se despedirem de um membro da série, espectadores podem estar prestes a dizer adeus a outro integrante importante; entenda

Neste domingo (25) a série "The Walking Dead" retornou de seu hiato com tudo! Intitulado "Honor", o nono episódio da oitava temporada dedicou-se a despedida do personagem Carl e apoiou-se numa narrativa que propõe um futuro sem Rick Grimes na produção.

Leia também: Fox promove megamaratona na pré-estreia da 8ª temporada de "The Walking Dead"

Rick em cena de The Walking Dead
The Walking Dead
Rick em cena de The Walking Dead

Nos últimos momentos do episódio de " The Walking Dead ", Carl tenta convencer seu pai, Rick Grimes , interpretado por Andrew Lincoln , que ele precisa começar a considerar um futuro sem derramamento de sangue. Com isso em mente, Carl compartilha sua própria visão do futuro com Rick - uma visão que acaba por ser a mesma que os telespectadores testemunharam na estréia da oitava temporada, apresentando o xerife como um velho de barba e cajado.

Leia também: Série morta-viva, "The Walking Dead" se arrasta para clímax preguiçoso do 8º ano

Muitos telespectadores, especialmente os fãs HQs, esperavam que essa visão fosse real e que com ela viesse um enorme salto no tempo. Mas, ao invés disso, é a visão de Carl e de como ele queria que o futuro acontecesse.

A Treta

Há apenas um problema: parece que a vida de Rick Grimes está no fio da navalha. Ainda no mesmo episódio, o xerife encosta-se numa árvore em meio a um campo sangrando muito. Apesar de todos já terem visto o personagem ferido no passado, algumas revelações do produtor executivo Robert Kirkman e do ator Andrew Lincoln abriram espaço para especulações.

Carl é mordido e morre em episódio final da primeira parte da oitava temporada de
Reprodução
Carl é mordido e morre em episódio final da primeira parte da oitava temporada de "The Walking Dead" e choca fãs da série

Em entrevista ao The Hollywood Reporter , o intérprete de Rick, Andrew, confirmou que para infelicidade dos fãs, o xerife gravemente ferido no final do episódio não é uma ilusão ou um truque: "Eu estava muito preocupado", disse o ator sobre sua reação ao ler a cena pela primeira vez. "Especialmente quando fizemos o teste de maquiagem. Eu disse: 'ele parece que perdeu muito sangue. Queremos que ele seja tão branco?!'", completou o ator.

Vai morrer!

A questão é: há algum tempo Robert Kirkman afirmou pelas redes sociais que a série tem força para continuar sem seu protagonista. Um usuário do Twitter questionou:"Rick vai morrer?" e foi respondido com:"ele não irá até o fim da série".

A Contradição

A resposta chocou os fãs, que foram acalentados pelo mesmo neste domingo (25). Também em entrevista ao The Hollywood Reporter , Kirman foi contra sua indagação da morte de Rick e advertiu os fãs a não entrarem em pânico. 

Vai ou Racha?

Leia também: "The Walking Dead" retorna com homenagem a Carl e reajuste de rota

Robert Kirkman
Reprodução
Robert Kirkman


 "Não espero isso, Não é minha intenção. Eu disse desde o início que ninguém está seguro. Eu sinto fortemente que o show poderia sobreviver sem um Rick Grimes. Certamente há muita história para contar sem esse personagem central. Já falei muito sobre como Rick Grimes, mas acho que não deveriam se preocupar com isso", finalizou o produtor deixando uma mensagem contraditória. Afinal Rick vai ou não morrer? Basta apenas esperar...

    Leia tudo sobre:
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.