Tamanho do texto

Marcas de carros, de preservativos ou de ONGs: sem depender de áreas, essa lista vai te mostrar que a criatividade na publicidade continua viva. Confira!

As formas de entretenimento mais conhecidas giram em torno das artes que vão para o teatro e para a TV. No entanto, não é só por meio das peças, novelas e séries que as pessoas conseguem extrair o melhor do lazer. Nesse time, também entra o pessoal das propagandas e dos comerciais, um outro tipo de criação que também pode prender o olhar e ganhar a admiração do público.

Leia também: Tiro atrás de tiro! Veja os dez clipes mais polêmicos de Rihanna

Querendo exaltar o quanto essa forma de comunicação também é importante é que o iG Gente resolveu montar essa lista com as dez melhores propagandas da atualidade, capazes de encantar como qualquer outra obra de entretenimento!

Leia também: Globo passa peneira em elenco e demite veteranos: veja quem saiu da emissora

Eros

A marca Eros, de preservativos, mostrou como uma mente criativa pode dizer muito explorando o que há de mais simples. Aproveitando o ensejo do momento difícil que enfrenta o Brasil no que diz respeito a política e as ideias que ela oferece, a Eros desenvolveu uma embalagem verde (uma das cores da bandeira brasileira) para uma camisinha e a “vestiu” com a faixa da presidência da República. Junto com a foto, vinha a frase: “Eros para presidente. Não há que temer vazamentos”.

A marca Eros, de preservativos, usou uma indireta inteligente para se referir a política atual vigente no Brasil
Reprodução/Instagram
A marca Eros, de preservativos, usou uma indireta inteligente para se referir a política atual vigente no Brasil

The Salvation Army

Para uma das maiores instituições de caridade do mundo, criatividade, além da empatia, é o que não falta. Em um dos anúncios recentes, a The Salvation Army (conhecida no Brasil como Exército da Salvação) falou sobre como o inverno pode dizimar vidas de uma forma sutil e muito bonita. Com uma boia salva-vida feita de tricô (tipo de costura comum em suéteres) laranja e branco, que resgataram o caráter de emergência da situação na propaganda, o anúncio carregou a mensagem: “Roupas quentes também podem salvar vidas”.

O anúncio da instituição The Salvation Army incentiva a doação de roupas de frio para pessoas em necessidade
Reprodução/Instagram
O anúncio da instituição The Salvation Army incentiva a doação de roupas de frio para pessoas em necessidade

Donate Life

Na propaganda “The World's Biggest Asshole”, a Donate Life, uma organização americana sem fins lucrativos, conseguiu cumprir com o seu propósito de incentivar pessoas a se alistarem como doadoras de órgãos narrando um episódio de surpresa que a vida pode colocar em prática a qualquer momento. No vídeo publicitário disponível no YouTube, é contada de forma bem breve a história de Coleman Sweeney, um “babaca” que não faz a mínima questão de esconder que esse traço é o que fala mais alto em sua personalidade. No entanto, ainda assim é revelado como uma aparentemente insensível pode ser mais humana do que se imagina.

Na propaganda em vídeo produzida pela instituição Donate Life, o fim da vida de um
Reprodução/Youtube
Na propaganda em vídeo produzida pela instituição Donate Life, o fim da vida de um "babacão" passa uma bela mensagem e supreende o público

UNICEF

Neste anúncio, o Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF) não poupou ninguém de dizer uma verdade bem dolorida, mas necessária. Colocando fotos de rostos de crianças brancas de cabelo claro em cima do rosto de crianças negras da Uganda, país da África, que vivem em zona de guerra, a instituição escreveu: “Talvez dessa maneira vocês se importem”. O intuito da instituição foi mobilizar mais pessoas para doar e contribuir com ajuda para que crianças em situação de pobreza ao redor do mundo tenham auxílio.

De forma direta, a UNICEF usou em um anúncio uma comunicação visual que falou com êxito sobre racismo
Reprodução/Instagram
De forma direta, a UNICEF usou em um anúncio uma comunicação visual que falou com êxito sobre racismo

Heineken

Introduzindo uma verdadeira lenda das pistas de corrida no comercial intitulado “When You Drive, Never Drink” (“Quando você dirigir, nunca beba” em tradução livre do inglês) a Heineken conseguiu mostrar com êxito em uma só propaganda a importância de não misturar bebida com volante. No anúncio, também produzido em forma de vídeo, Jackie Stewart, o ex-automobilista britânico tricampeão mundial da Fórmula 1, mesmo afastado das grandes competições, protagoniza com classe um cenário que prova que: uma vez motorista, sempre motorista.

Colocando Jackie Stewart como protagonista da propaganda, a Heineken, marca de cerveja, mandou um importante recado sobre ácool e direção ao público
Reprodução/Youtube
Colocando Jackie Stewart como protagonista da propaganda, a Heineken, marca de cerveja, mandou um importante recado sobre ácool e direção ao público

Liomont

Para ilustrar como é que começa uma dor de cabeça, a marca de analgésicos Liomont esquematizou uma situação pela qual todos passam, mas que não é enxergada verdadeiramente. Com bonequinhos representando a estrutura de uma empresa, o anúncio mostrou a base e o topo de uma espécie de pirâmide hierárquica, de poder, mas também de esforço. Acima de todos os funcionários, a marca usou um bonequinho de Steve Jobs para representar o cargo de chefia – o que menos tem dor de cabeça numa escala lógica.

A marca de analgésicos Liomont preferiu explorar a arte por meio de pequenos bonecos imitando a estrutura de uma empresa com Steve Jobs no comando
Reprodução/Instagram
A marca de analgésicos Liomont preferiu explorar a arte por meio de pequenos bonecos imitando a estrutura de uma empresa com Steve Jobs no comando

Nissan

Esse anúncio da Nissan não só entra para os melhores ao olhar do iG Gente, como também compõe uma das propagandas mais vistas por brasileiros em 2016, de acordo com informações do portal “Meio & Mensagem”. Fazendo uma junção do lançamento de um dos modelos automobilísticos da marca com o esporte, a propaganda saudou com graça as olimpíadas que aconteceram no Brasil no ano passado, colocando um grupo de atletas para, literalmente, perseguir e utilizar os novos carros das mais inusitadas (e criativas) formas.

Para introduzir modelos novos de carro e saudar as Olimpíadas de 2016, que aconteceram aqui no Brasil, a Nissan foi criativa e fez um comercial um tanto inusitado
Reprodução/Youtube
Para introduzir modelos novos de carro e saudar as Olimpíadas de 2016, que aconteceram aqui no Brasil, a Nissan foi criativa e fez um comercial um tanto inusitado

Vivo

No caso da Vivo, a criatividade foi muito bem usada no anúncio “A vida por trás do post”, que fala desse misto entre o virtual e o real que tomou conta da realidade de muitas pessoas.  De forma minimalista, a empresa de telefonia usou uma mão e um smartphone conectado nas redes sociais que não só ajuda na conexão com outras áreas do mundo, mas também nas publicações e interações para fazer parte desse universo da web. No entanto, ainda que a propaganda fale sobre estar plugado, o foco da Vivo foi ressaltar a importância de viver momentos bons e conseguir registrá-los, seja no celular ou na memória.

Em um de seus comerciais, a marca de telefonia Vivo ressaltou a importância de registrar bons momentos, seja na própria memória ou no celular
Reprodução/Youtube
Em um de seus comerciais, a marca de telefonia Vivo ressaltou a importância de registrar bons momentos, seja na própria memória ou no celular

UNICEF

Mais essa propaganda da UNICEF ressalta, mais uma vez sob o recorte racial, o tamanho do poder que tem um celular nos dias de hoje. Por meio do aparelhinho que nos conecta com o mundo, podemos fazer de tudo, principalmente o bem: com essa ideia, o anúncio da instituição faz duas mãos – uma delas é de uma pessoa branca adulta e a outra de uma criança negra – se entrelaçarem na tela de um smartphone para ilustrar que sua conexão feita por ele possibilita mudar vida de pessoas em necessidade ao redor do mundo.

Nessa propaganda da UNICEF, o foco foi incentivas pessoas com acesso a tecnologia a ajudarem quem está em necessidade ao redor do mundo
Reprodução/Instagram
Nessa propaganda da UNICEF, o foco foi incentivas pessoas com acesso a tecnologia a ajudarem quem está em necessidade ao redor do mundo

Innocence en Danger

Entre todas as outras propagandas, a da organização Inoccence en Danger, da França, fez um apelo um pouco mais chocante, porém também muito necessário. Defendendo a proteção de crianças contra o abuso sexual, a instituição fez um anúncio com crianças, literalmente, com marcas de mãos adultas pelos corpos. Além de fazer esse apelo diretamente visual, a Inoccence em Danger também fez uso de uma mensagem. “Alguns toques nunca vão embora”, diz o anúncio.

A instituição que luta pela proteção de crianças contra o abuso sexual chocou com o anúncio, que ao mesmo tempo se faz estritamente necessário
Reprodução/Instagram
A instituição que luta pela proteção de crianças contra o abuso sexual chocou com o anúncio, que ao mesmo tempo se faz estritamente necessário


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.