Tamanho do texto

Emmy consagra mulheres de "The Handmaid's Tales" e premia Hulu como serviço de streaming, batendo a global Netflix; veja os ganhadores

Tendo acontecido na noite do último domingo (17), a premiação do Emmy deste ano foi um pouco diferente do que o público está acostumado a ver. Com um caráter mais progressista, o prêmio deu grande destaque às mulheres e consagrou, pela primeira vez, um diretor negro. Além disso, o público viu a gigante Netflix ser desbancada por outro serviço de streaming menor, o Hulu , exclusivo para localidades dos Estados Unidos e que tem apostado em produções originais de temas variados.

Leia também: Emmy 2017 deve consagrar séries do streaming de maneira inédita

Com caráter mais progressista, Emmy consagra mulheres e diretor negro é vencedor pela primeira vez
Reprodução/Twitter
Com caráter mais progressista, Emmy consagra mulheres e diretor negro é vencedor pela primeira vez

Com a produção " The Handmaid's Tale " - que, embora não tenha estreado no Brasil, fez muito sucesso na crítica estadounidense - , o serviço norte-americano de streaming Hulu acabou levando o Emmy de melhor produção original - tornando-se, dessa forma, o primeiro serviço de streaming . Além disso, com cinco prêmios cada entre as categorias principais, as séries "The Handmaid's Tale" e " Big Little Lies " foram as grandes ganhadoras da noite de gala - colocando as mulheres  e, sobretudo, a opressão cotidiana e sistemática que as mulheres sofrem, em destaque na premiação.

Apesar disso, a Netflix não saiu de mãos vazias da premiação. Com o episódio " San Junipero" , da série futurística " Black Mirror ", a gigante do streaming conquistou dois prêmios: melhor roteiro de série limitada e melhor telefilme. Como de costume, " Saturday Night Live ", um programa humorístico bastante popular nos Estados Unidos, também esteve entre os premiados e levou quatro estatuetas. "Veep" também não ficou de fora e levou dois prêmios das categorias principais. 

Lena Waithe é a primeira roteirista negra a ganhar uma estatueta na história do Emmy
Reprodução/Twitter
Lena Waithe é a primeira roteirista negra a ganhar uma estatueta na história do Emmy

A noite também consagrou uma recordista:  Julia Louis-Dreyfus . Essa foi a sexta vez consecutiva que a atriz levou a estatueta de Melhor Atriz. E houve ainda a primeira vez de alguns concorrentes:  Donald Glover foi o primeiro negro a vencer uma categoria de direção. O prêmio veio pela produção " Atlanta ".  Lena Waithe foi consagrada a primeira roteirista negra a levar o prêmio, por " Master of None "; e  Reed Morano foi a primeira diretora a ganhar um Emmy nos últimos 22 anos, por "The Handmaid's Tale".

Leia também: Conheça curiosidades do Emmy, maior premiação mundial da TV

Como era de se esperar, a minissérie da HBO , "Big Little Lies" também levou cinco prêmios:  melhor minissérie, melhor atriz em minissérie para Nicole Kidman, melhor atriz coadjuvante em minissérie para Laura Dern, melhor ator coadjuvante em minissérie para Alexander Skarsgard e melhor direção em minissérie para Jean-Marc Vallée.

Outro ponto marcante da premiação foram os discursos contra o atual presidente dos Estados Unidos, o republicano Donald Trump. Além dos discursos inflamados, que criticavam as posturas internacionais do líder, houve um discurso cômico envolvendo o nome do governante. O apresentador Stephen Colbert afirmou que, se o empresário tivesse ganho um Emmy com o reality show "O Aprendiz", que comandava no passado, ele talvez não fosse presidente. "A culpa é de vocês", brincou, na abertura da noite de gala, responsabilizando o júri do prêmio e o público pelo triunfo do republicano na última eleição.

Emmy homenageia mulheres fortes em noite da premiação
Reprodução/Twitter
Emmy homenageia mulheres fortes em noite da premiação

Mais uma polêmica foi o discurso de Nicole Kidman. Emocionada com o prêmio, ela dedicou a estatueta para o marido, Keith Urban, e para as filhas Sunday Rose, 9, e Faith Margaret, 7, em um discurso sobre abuso doméstico e depressão. Porém, deixou de citar seus dois filhos adotivos com o também ator Tom Cruise - Connor Cruise, 22, e Isabella Cruise, 24 -, com quem foi casada por mais de dez anos, até 2001. A postura da atriz foi duramente criticada pelos internautas nas redes socias, afirmando que ela havia "se esquecido" dos adolescentes.

Leia também: "Westworld" lidera indicações ao Emmy Awards 2017; veja a lista

A premiada série "Game of Thrones" não concorreu ao Emmy por não ter estreado sua última temporada a tempo da classificação para o prêmio. Isso porque ela estreou em junho, e a data limite para a estreia dos concorrentes é em maio do mesmo ano. Em 2016, a série recebeu 23 indicações e levou diversas estatuetas.

Veja a lista de vencedores

A premiação do Emmy ocorreu no último domingo (17); veja a lista completa de vencedores
Reprodução/Instagram
A premiação do Emmy ocorreu no último domingo (17); veja a lista completa de vencedores


Melhor Série de Drama

"The Handmaid's Tale"

Melhor Série de Comédia

"Veep"

Melhor Telefilme

"Black Mirror - San Junipero"

Melhor Minissérie ou Série Limitada

"Big Little Lies"

Melhor Ator em Série de Drama

Sterling K. Brown ("This Is Us")

Melhor Atriz em Série de Drama

Elisabeth Moss ("The Handmaid's Tale")

Melhor Ator Coadjuvante em Série de Drama

John Lithgow ("The Crown")

Melhor Atriz Coadjuvante em Série de Drama

Ann Dowd ("The Handmaid's Tale")

Melhor Ator Convidado em Série de Drama

Gerald McRaney ("This Is Us")

Melhor Atriz Convidada em Série de Drama

Alexis Bledel ("The Handmaid's Tale")

Melhor Ator em Série de Comédia

Donald Glover ("Atlanta")

Melhor Atriz em Série de Comédia

Julia Louis-Dreyfus ("Veep")

Melhor Ator Coadjuvante em Série de Comédia

Alec Baldwin ("Saturday Night Live")

Melhor Atriz Coadjuvante em Série de Comédia

Kate McKinnon ("Saturday Night Live")

Melhor Ator Convidado em Série de Comédia

Dave Chapelle ("Saturday Night Live")

Melhor Atriz Convidada em Série de Comédia

Melissa McCarthy ("Saturday Night Live")

Melhor Ator em Série Limitada ou Telefilme

Riz Ahmed ("The Night Of")

Leia também: Por quê “This Is Us” virou um fenômeno nos EUA?

Melhor Atriz em Série Limitada ou Telefilme

Nicole Kidman ("Big Little Lies")

Melhor Ator Coadjuvante em Série Limitada ou Telefilme

Alexander Skarsgard ("Big Little Lies")

Melhor Atriz Coadjuvante em Série Limitada ou Telefilme

Laura Dern ("Big Little Lies")

Melhor Direção em Série de Drama

"The Handmaid's Tale", Reed Morano

Melhor Direção em Série de Comédia

"Atlanta", Donald Glover 

Melhor Direção em Série Limitada ou Telefilme

"Big Little Lies", Jean Marc-Vallée

Melhor Roteiro em Série de Drama

"The Handmaid's Tale", Bruce Miller

Melhor Roteiro em Série de Comédia

"Master of None", Lena Waithe e Aziz Ansari

Melhor Roteiro em Série de Limitada ou Telefilme

"San Junipero" ("Black Mirror"), Charlie Brooker

Melhor Programa de Esquetes

"Saturday Night Live"

Melhor Programa de Variedade

"Last Week Tonight with John Oliver"

Leia também: Com Game of Thrones de fora, disputa pelo Emmy fica mais acirrada este ano