Tamanho do texto

Do prazer para realizar sexo em locais de acidentes de carro ao desejo de ouvir histórias de sexo da própria esposa, confira dez fetiches bizarros

Ter um fetiche sexual para lá de inusitado é uma das características destes personagens que animaram as telonas nos últimos anos. Com relações intensas, alguns traumas nas costas e histórias que são para lá de complicadas, estes protagonistas marcaram a história do cinema por suas peculiaridades.

O fetiche sexual em
Reprodução
O fetiche sexual em "Crash - Estranhos prazeres" é realizar sexo em lugares que houveram acidentes de automóvel


Leia também: Sequência de “50 Tons de Cinza” traz mais do mesmo para haters e fãs

Do gosto por acidentes de carros ao fetiche por ouvir histórias da parceira com outros homens, confira dez personagens com os prazeres mais bizarros.

“A Dama da Lotação”

Sônia Braga interpreta uma mulher com fetiche de transar em lugares públicos
Reprodução
Sônia Braga interpreta uma mulher com fetiche de transar em lugares públicos


O filme brasileiro é estrelado por Sônia Braga, que interpreta Solange, uma mulher que acaba se casando com Carlos, um amigo de infância que a traumatiza sexualmente depois de estupra-la em sua noite de núpcias. Para superar o ocorrido, Solange acaba realizando sexo com diversos homens que não conhece em lotações – e também em outros lugares pra lá de estranhos como cemitérios.

“Marnie, Confissões de uma Ladra”

O filme é um suspense com mistério e muita tensão sexual
Reprodução
O filme é um suspense com mistério e muita tensão sexual


O suspense de Hitchcock traz a história de Marnie (Tippi Hedren), uma mulher que é compulsivamente mentirosa e ladra. Entretanto, apesar do seu comportamento problemático, ela acaba chamando atenção de Mark Rutland (Sean Connery), um homem com quem vai trabalhar. Apesar de Marnie tentar roubá-lo, Mark acaba apaixonando-se por ela e casando com a ladra, por quem alimenta fetiches pra lá de problemáticos, como o anseio por se aventurar na mente perturbada da mulher.

“A Bela da Tarde”

A jovem se prostitui e sente prazer em fazer sexo suja
Reprodução
A jovem se prostitui e sente prazer em fazer sexo suja


O drama conta a história de Séverine (Catherine Deneuve) uma jovem rica que tem tudo para ser feliz, porém não é. Apesar de amar o seu marido, eles não possuem tanta intimidade quanto gostaria. Nesse cenário, a jovem acaba se envolvendo com um bordel e idealizando o trabalho como prostituta, o qual exerce à tarde vivendo as suas fantasias eróticas, que inclui os mais diversos desejos, inclusive o fetiche de transar suja. Quando seu período de trabalho acaba, ela volta para casa à noite como a paciente esposa.

Leia também: Obra-prima, “A Criada” conta história de amor com cinismo e fetiches sexuais

 “Crash – Estranhos Prazeres"

Automóveis fazem parte do fetiche sexual desses personagens
Reprodução
Automóveis fazem parte do fetiche sexual desses personagens


O filme retrata a história de James Ballard (James Spader) que sofre um terrível acidente de carro, em que há um casal desconhecido envolvido. O homem acaba não resistindo aos ferimentos e a mulher sobrevive, mas com uma inquietante raiva do acontecimento. Apesar desse cenário, as duas vítimas da fatalidade acabam caindo em um romance pra lá de estranho e começam a frequentar um grupo que tem como fetiche a reconstituição de acidentes de carros envolvendo vítimas famosas. Diante da grande excitação provocada pelas aventuras, os dois acabam descobrindo um novo prazer sexual que fazem com que suas relações sejam quase sempre dentro dos automóveis.

“Corpo em Evidência”

Neste longa, Madonna é suspeita de causar a morte de seu amante por conta de seus fetiches sexuais
Reprodução
Neste longa, Madonna é suspeita de causar a morte de seu amante por conta de seus fetiches sexuais


O filme de 1993 traz a cantora Madonna assumindo a pele de uma das personagens mais sexys do cinema, Rebecca Carlson. A jovem desfila nua com as janelas abertas da sua casa a qualquer hora do dia atraindo olhares de diversos homens, inclusive do seu ex-namorado, Andrew Marsh (Michael Forest), que foi encontrado morto na cama aparentemente assassinado. As coisas começam a esquentar quando o advogado de Rebecca inicia uma suspeita que a morte do milionário foi devida aos fetiches agressivos de sua cliente, como deixar a vela derreter em seu corpo.

“Sexo, mentiras e Videotape”

No longa, os relatos sexuais de mulheres excitam um homem casado
Reprodução
No longa, os relatos sexuais de mulheres excitam um homem casado

O filme chegou a ser premiado em Cannes levando a Palma de Ouro e também sendo reconhecido no Festival de Sundance levando o Prêmio da Plateia. Seu enredo é focado na história do advogado John Mullany (Peter Gallagher), que está vivendo uma vida sexual um pouco controversa. De um lado, enfrenta problemas sexuais com a sua esposa Ann Bishop Mullany (Andie MacDowell), por outro, acaba tendo um caso com a sua cunhada Cynthia Patrice Bishop (Laura San Giacomo). Entretanto, as coisas parecem complicar com a chegada de um amigo de infância, Graham Dalton (James Spader) que faz com que ele ganhe um descubra um prazer íntimo pra lá de estranho: o de assistir vídeos com mulheres relatando as suas vidas sexuais.

Leia também: Carolina Ferraz volta ao cinema na pele de um travesti em "A Glória e a Graça"

"Saló ou os 120 dias de Sodoma"

O filme é dividido em três fases pra lá de polêmicas
Reprodução
O filme é dividido em três fases pra lá de polêmicas


Gravado em 1975, o filme foi considerado bastante polêmico para a época e inspirado no livro “120 dias de Sodoma” do Marquês de Sade e revela a história de um grupo de jovens na época da Itália de Mussolini selecionados por quatro dirigentes fascistas para liderarem uma série de experimentos sádicos ao longo de 120 dias. Dividida em três círculos, o primeiro (Círculo das Manias) é dedicado somente a atender os fetiches sexuais violentos dos fascistas.

"O cheiro do ralo"

Selton Melo estrela nesta comédia dramática
Reprodução
Selton Melo estrela nesta comédia dramática


Ambientado em São Paulo, Selton Mello interpreta Lourenço, um dono de uma loja que compra objetos usados de pessoas com problemas financeiros. Neste cenário, o homem acaba criando uma relação controversa com os seus clientes em que há um jogo perverso acontecendo ali. Com um fetiche baseado na exploração, o vendedor acaba sendo colocado em confronto com personagens que acreditava manipular.

"O cheiro da gente"

“O Cheiro da Gente” traz Larry Clark de volta ao universo jovem
ZETA / DIVULGAÇÃO
“O Cheiro da Gente” traz Larry Clark de volta ao universo jovem


O filme conta a história de jovens que estão lidando com o consumismo e nesse meio tempo, dois de seus personagens acabam recorrendo à prostituição para manter os seus desejos materiais, como o de bebidas, drogas e roupas; o outro assalta transeuntes e um quarto é responsável por filmar tudo – inclusive as relações sexuais de seus amigos.

"Ondas do Destino"

No longa de Lars von Trier, um homem volta a ter prazer com relatos sexuais da mulher
Reprodução
No longa de Lars von Trier, um homem volta a ter prazer com relatos sexuais da mulher


De Lars von Trier, o filme conta a história de um casal formado por Emily Watson e um dinamarquês interpretado por Stellan Skarsgard que trabalha em uma plataforma de petróleo no norte da Escócia. Tudo ia bem com o casal até que o homem sofre um acidente de trabalho quebrando o seu pescoço e ficando incapacitado. Assim, o dinamarquês coloca a mulher em uma situação pra lá de inusitada e cria um novo fetiche: pressiona sua amada a ter relações sexuais com outros homens e contar a ele cada detalhe depois.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.