Tamanho do texto

O ator porto-riquenho já acumula mais de 35 prêmios ao longo de sua carreira, sabendo agradar gregos e troianos com filmes diversificados

Neste domingo (19) o ator Benicio del Toro completa 50 anos. Um dos atores latinos de maior destaque e reconhecimento na indústria cinematográfica americana, del Toro nasceu em Porto Rico, porém toda sua carreira se estabeleceu nos Estados Unidos. Ele ganhou notoriedade por sua atuação e conquistou diversos prêmios, incluindo um Oscar de Melhor Ator Coadjuvante por “Traffic” do diretor Steven Soderbergh.

Leia mais: “Guardiões da Galáxia Vol. 2” ganha primeiro trailer e cartaz oficial

Benicio del Toro completa 50 anos nessa segunda-feira (19); cartela de filmes do ator agrada grande público e critica especializada
Divulgação
Benicio del Toro completa 50 anos nessa segunda-feira (19); cartela de filmes do ator agrada grande público e critica especializada


Sorte de principiante

Benicio del Toro já começou com o pé direito no mundo da arte: logo na década de 1980, o porto-riquenho participou das séries “ Miami Vice ” e “ Drugs Wars: The Camarena Story ” (“Guerra das Drogas: A História de Camarena”, em tradução livre). Logo ele se tornaria o ator mais jovem até então a viver um vilão na franquia do espião James Bond. Em “ 007 – Licença Para Matar ” o ator deu vida ao personagem Dario, entretanto, o filme não alcançou o sucesso esperado.

Leia mais: Episódio VIII vai se chamar “Star Wars: The Last Jedi"

Nos anos seguinte del Toro participou de diversos filmes que não foram reconhecidos e, em 1995, somente 15 anos após o início de sua carreira, ele estrelou o filme “ Os Suspeitos ”, o primeiro que o levou a concorrer em premiações voltadas para o cinema. Mesmo em ascensão, a carreira de Benicio del Toro acabou “esfriando” nos anos subsequentes até estrelar “ Traffic ” (“Trafego”, em português), de Steven Soderbergh . A produção teve mais de 25 indicações e com ela o porto-riquenho ganhou um Oscar de Melhor Ator Coadjuvante em 2000.

Cinema alternativo

Benicio del Toro em
Divulgação
Benicio del Toro em "Sicario"

Desde que participou de “Traffic”, del Toro fez diversos filmes que alcançaram bons resultados de público e ficaram conhecidos no circuito comercial, mas, talvez esse seja o segredo do ator, ele não deixou de participar de trabalhos mais voltados para o cinema cult . Os títulos mais notáveis estrelados pelo porto-riquenho são “ 21 Gramas ”, dirigido pelo também latino Alejandro Iñárritu , e “ Che ”, de Steven Soderbergh, que jamais teve o reconhecimento esperado para o nível da atuação de del Toro. “ Sicario ”, dirigido por Denis Villeneuve, teve 24 indicações em premiações e festivais pela performance do porto-riquenho, porém todos em circuitos alternativos de cinema.

Blockbusters

Del Toro, sobretudo nos últimos anos, acabou se rendendo aos blockbuster e integrou o elenco de produções que foram sucessos imensos ao redor de todo o mundo, mas que, se comparadas aos demais títulos de sua carreira, não têm o mesmo impacto artístico.

Leia mais: Trágico, “Rogue One” é o melhor “Star Wars” desde “O Império Contra-Ataca”

Benicio del Toro como Colecionador em
Divulgação
Benicio del Toro como Colecionador em "Guardiões da Galáxia"

Em 2014 Benicio del Toro fez sua primeira aparição em “ Thor: O Mundo Sombrio ” com o personagem “O Colecionador”. Somente um ano depois ele estaria de volta em “ Guardiões da Galáxia ” reprisando seu excêntrico papel. Ainda no mundo dos heróis, a expectativa é de que o porto-riquenho tenha outras aparições como o alienígena. Mudando de universo, ele também está confirmado em “ Star Wars: Os Últimos Jedi ”, que estreia ainda esse ano. Ainda não foram revelados mais detalhes sobre o papel do ator na franquia.