Tamanho do texto

Biografia assinada pelo jornalista Sérgio Xavier traz a trajetória profissional de um dos principais jogadores do futebol brasileiro nos anos 1990

Se posso afirmar que tenho uma paixão na vida, essa existe pelos livros. Mas algo que também mexe comigo – para o bem e para o mal – é o futebol, que aliás foi minha editoria de trabalho por algum tempo. Misturar as duas paixões é tarefa difícil, mas há vezes em que essa mescla traz bons frutos, como a recém lançada biografia do craque Edmundo intitulada “Instinto Animal” (Ed. Seoman).

Leia também: Com ternura e convicção, Michelle Obama encanta e inspira em autobiografia

Capa do livro de Edmundo
Divulgação
Capa do livro de Edmundo

Como em quase toda história de jogador de futebol, há um começo difícil, vários convites para desistir do sonho de viver do esporte, mas também tinham figuras que apoiavam e permitiam ao garoto que sonhava em jogar com a camisa do Vasco da Gama conseguisse realizar seu sonho. E não só conseguiu vestir a camisa do Vasco, como meses após sua estreia nos profissionais já garantiram a ele uma convocação para a seleção brasileira em 1992.

Outra passagem que muito se relaciona ao nome de Edmundo é a final da Copa do Mundo de 1998 contra a França. Edmundo e Sérgio Xavier trazem a visão de quem viu tudo que ocorrera com o camisa 9 Ronaldo e suas convulsões (ele estava em um quarto conjugado ao do Fenômeno e foi um dos primeiros a chegar). Sua quase escalação para ser titular ainda é uma interrogação na cabeça de muitos.

Leia também: Maurício de Sousa e Fundação Dorina Nowill para cegos lançam livro inclusivo

Edmundo com Osmar Santos no lançamento do livro em São Paulo
Divulgação
Edmundo com Osmar Santos no lançamento do livro em São Paulo

Carregou o apelido de Animal graças a Osmar Santos, pessoa por quem tem o maior carinho e apreço, algo também destacado no livro e nas entrevistas e palavras do atacante. Sua época dourada de Palmeiras ganhou ainda mais brilho com as locuções de Osmar e um esquadrão que tirou o alviverde da fila de títulos (algo que ele próprio afirma que desconhecia à época).

O ritmo empregado por Sérgio Xavier no desenrolar dos fatos junto à riqueza de detalhes me levou de volta à década de 1990. E com uma pessoa tão cheia de histórias, escrever essa biografia é tarefa para poucos – “me sinto um privilegiado! Ter a chance de biografar um grande jogador, como Edmundo, já seria ótimo, mas quando esse grande jogador também é um personagem grandioso, muito melhor. Edmundo é complexo, mistura agressividade, fragilidade, sua carreira teve altos, baixos” –contou Sérgio Xavier à coluna.

Edmundo teve um peso enorme enquanto atleta para toda uma geração que viveu – como quem vos escreve – o futebol nas décadas de 1990 e 2000. Nunca se esquivou de sua responsabilidade quando exigido, como quando no caso do trágico acidente de carro em que o jogador bateu e vitimou três pessoas. Edmundo respondeu judicialmente e tem de conviver diariamente com essas tristes e pesadas memórias.

Como boa corintiana que sou, já fui feliz com Edmundo jogando em meu time (mesmo que por pouco tempo) mas também já sofri muito mais quando ele jogou em times adversários – parecia que ele tinha um gosto especial em fazer gol no meu Corinthians. “  Instinto Animal  ” é um livro que traz não só a trajetória do jogador, mas resgata um pouco da história do futebol nacional de uma época que já deixou saudades.

Sobre Sérgio Xavier:

Edmundo e Sérgio Xavier durante o lançamento
Divulgação
Edmundo e Sérgio Xavier durante o lançamento













Leia também: Mobilidade urbana: Precisamos falar sobre transporte alternativo

Sérgio Xavier é jornalista formado pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Trabalhou nos jornais Diário do Sul e O Estado de S. Paulo . Comandou por 20 anos a revista Placar e foi comentarista esportivo da TV Bandeirantes e Rádio BandNews FM . Desde 2015 é comentarista do SporTV . É autor dos livros "Operação Portuga", "Vidas Corridas", "17 Grandes Polêmicas do Futebol Brasileiro" e "Boston: A Mais Longa das Maratonas".

Ficha técnica

Livro: Instinto Animal – A história do mais ousado craque do futebol brasileiro

Autor: Sérgio Xavier

Editora: Seoman

Páginas: 184

Edição: 1 /2019

Para pautas e sugestões: colunaquartacapa@gmail.com