Jair Bolsonaro e Elza Soares
Reprodução/Instagram
Jair Bolsonaro e Elza Soares


Elza Soares, um dos nomes mais importantes da MPB,  voltou a usar as redes sociais para criticar o  presidente da República, que discursou na manhã desta terça-feira (22) na abertura da 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU, e incentivar a população a fiscalizar a atuação de seus governantes, que devem, por sua vez, explicar o uso de verbas e os resultados de suas ações.

"Ei, psiu, somos sócios da empresa chamada Brasil, sabia? Pois é! Os altos impostos que pagamos bancam viagens luxuosas, hotéis, avião e até pizza em dólar nas ruas de NY. Uma fortuna pra passar vergonha perante o mundo. Queiram ou não, somos patroas e patrões deles. Vamos cobrar!", manifestou-se a cantora e compositora carioca no auge dos seus 91 anos.


Como já era previsto, a publicação acabou estimulando a interação dos internautas. "Como esperar ética, decoro, de quem não tem escrúpulos? Medíocres, indecentes!", questionou o primeiro usuário do microblog. "Gostaria mesmo, como brasileiro, desempregado, morando num quarto e passando necessidades básicas, [de fazer] essa cobrança", disse outro. Já o terceiro destacou: "Rainha, estamos num abismo".


    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários