À frente do quadro Fama Fashion, do programa "TV Fama", Júlia Pereira usou as redes sociais para contar que está à doce espera de uma menina. "Já era um desejo meu e do meu marido, e decidimos que íamos começar a tentar a partir do réveillon, então, aconteceu tudo muito rápido. Essa notícia veio para completar nossas vidas e nos deixar ainda mais felizes", destacou ela, que, durante muitos anos, brilhou nas passarelas e nas capas de revistas de moda e beleza pelo mundo. Júlia é casada com Amilcare Dallevo Neto , head of value creation da Rede TV! . Os dois estão juntos há cinco anos e oficializaram a união em setembro de 2019. Tanta opinião a respeito de qualquer assunto vem de cedo — assim como o amor pela carreira artística. "Com oito anos, já fazia alguns trabalhos como modelo em Porto Alegre", ressaltou com exclusividade ao  iG Gente  e à Coluna Marcelo Bandeira.

Leia também: "Só tenho gratidão e boas lembranças", diz Taty Satto sobre Gugu Liberato

Júlia Pereira
Divulgação
Júlia Pereira


Apesar de toda apreensão envolvendo a pandemia do novo coronavírus, do isolamento social e de todas as consequências decorrentes disso, Júlia Pereira está vivendo um momento particularmente feliz. Além de comandar o canal " Mundo de Júlia ", no YouTube, a modelo e apresentadora  também criou uma nova playlist chamada Diário da Gravidez, em que divide dúvidas, situações e momentos da maternidade com leitoras de todo o Brasil. Convidada para responder às "15 Perguntas", achou um tempinho para comentar temáticas novas e antigas sobre sua relação com a carreira, a família, o feminismo e, é claro, o que pretende fazer quando sair da quarentena. Vem com a gente?

Leia também: Ex-"A Fazenda", Thayse Teixeira é acusada de descumprir acordo com caricaturista

Júlia Pereira
Divulgação
Júlia Pereira


1) Várias famosas grávidas têm dado depoimentos em suas redes sociais sobre viver a gestação em meio ao perigo do contágio da Covid-19. Qual a sua opinião?

Acho ótimo as gestantes estarem na mídia compartilhando o que estão passando. Normalmente, já temos muitas dúvidas, principalmente, as mamães de primeira viagem como eu. Agora, imagina ser gestante em tempos de pandemia? Mas estou sempre em contato por telefone com o meu obstetra, que diz o que devo fazer e acaba me tranquilizando. Para mim, o lado bom de estar grávida numa pandemia é que, como estou de home office, posso organizar melhor meus horários e respeitar meu corpo quando preciso de repouso. Senti muita indisposição, enjoos e cansaço no comecinho. Se estivesse na minha rotina corrida, normal, não teria sido nada fácil.

2) Quais as dores e delícias de ser mãe de primeira viagem? As maiores dificuldades e as melhores surpresas...

Júlia Pereira
Divulgação
Júlia Pereira

Primeiro, vamos falar de coisas boas. Eu me sinto imensamente abençoada em poder gerar uma vida, e o amor por ela cresce a cada dia mais! É muito bom pensar que agora estou realizando o sonho de construir uma família com o homem que amo. As dificuldades no momento são esses enjoos e mal-estar que me impossibilitam de fazer muitas coisas, mas tudo faz parte! E já estão começando a passar. Daqui a pouco, vou entrar na "primavera" da gestação, o segundo trimestre.

3) Dia das Mães está chegando. Como pretende comemorar?

Pretendia estar com a minha mãezinha, mas ela mora no Rio Grande do Sul, e não quero me expor viajando até lá! Então, vou passar com as pessoas com quem estou morando atualmente: meu maridão, o irmão dele (com a namorada) e minha sogra, que é como uma mãe para mim também.

4) É verdade que você está fazendo um diário de gravidez para seu canal no YouTube? Fale um pouco desse momento.

Sim! Estou postando dois vídeos por semana contando cada etapa: as alegrias e as dificuldades. Convidei meu obstetra para esclarecer dúvidas e pretendo chamar mamães famosas e que admiro para participarem também. Bom, aproveito para convidar todos vocês para se inscreverem no canal "Mundo de Júlia".

5) Soube que você é trigêmea e tem mais de três casos de gêmeos na família, ou seja, existia a possibilidade de estar grávida de gêmeos ou trigêmeos, né? Você se pegou pensando nessas possibilidades?

Júlia Pereira
Divulgação
Júlia Pereira


Sim, tinha grandes chances de eu engravidar de gêmeos, mas é uma menina só. Deus sabe o que faz (risos). Quem sabe na próxima gestação?

6) Você é nora de Amilcare Dallevo Jr. e Faa Morena, respectivamente, dono e apresentadora da RedeTV!. Como é a relação de vocês?

Nossa relação é maravilhosa, graças a Deus. Tenho muita sorte de tê-los como sogros. São pessoas que admiro muito pelo caráter, humildade e valores de família. 

7) Como surgiu a ideia de comandar o quadro Fama Fashion, no "TV Fama"? Costuma ouvir insinuações de que tem esse privilégio por ser da família agora? 

Júlia Pereira
Divulgação
Júlia Pereira

Logo que voltei a morar no Brasil, minha agência de modelos me incentivou a estudar teatro para fazer novelas. Fiz ótimos cursos, mas não me identifiquei muito com a profissão. Aí, logo em seguida, veio o convite do diretor do "TV Fama" para eu estrear um quadro no programa falando de moda. Fizemos algumas reuniões, uma gravação de teste, e logo em seguida já começamos a gravar para valer. Não costumo ouvir essas insinuações, mas, se tem gente que pensa isso, posso dizer que não basta só as oportunidades aparecerem, precisamos trabalhar com honestidade e dedicação para nos mantermos no cargo. Eu me sinto grata pelo convite, mas já tive convite da Globo também. Em março, completei um ano de Fama Fashion e tenho orgulho do crescimento do quadro e de ver o feedback positivo dos telespectadores.

8) Você acha que ainda existe preconceito com modelos que também seguem a profissão de apresentadora?

Acredito que não, pois, cada vez mais, a televisão quer pessoas autênticas, únicas. A espontaneidade é o diferencial. Não adianta fazer mil cursos, ser formada e não ter carisma na TV. Na minha opinião, a beleza é um ponto positivo, afinal de contas, apresentar um programa é sempre uma exposição da imagem.

9) Qual foi o momento mais incrível que você teve na moda? 

Acredito que ter trabalhado com profissionais que tanto admirava, como os fotógrafos Camilla Akrans, Corinne Day, Antoine Verglas e ter desfilado, fotografado para marcas, revistas e personalidades renomadas como Valentino, DKNY, Mara Hoffman, The Blonds, Jennifer Lopez, Benetton, "Maxim", "GQ", "Vogue", "Elle", "Marie Claire", "Cosmopolitan", entre outras. E, é claro, as viagens. A oportunidade de ter morado em outros seis países e ainda ter conhecido muitos outros por meio do trabalho como modelo é gratificante. 

10) Como você começou a sua carreira? Qual atividade veio primeiro?

Júlia Pereira
Divulgação
Júlia Pereira


Com oito anos, já fazia alguns trabalhos como modelo em Porto Alegre. Aos 15, fui convidada por um scouter gaúcho para participar de um concurso de uma grande agência. Fui classificada no Rio Grande do Sul, e logo veio o convite para morar em São Paulo. Após realizar vários trabalhos por lá, surgiu a oportunidade de começar carreira internacional: morei em Barcelona, Milão, Paris, Londres, Miami e NYC.

11) Vivemos um momento em que se fala muito de empoderamento feminino. Como você vê a figura da mulher hoje no audiovisual?

Mais forte do que nunca. Estamos conquistando cada vez mais o nosso espaço. E através das redes sociais, internet, as mulheres têm mais voz e poder para se unirem e lutarem por seus direitos. 

12)  Como está sendo a sua quarentena? Soube que é ao lado da Faa Morena, é isso mesmo?

Júlia Pereira
Divulgação
Júlia Pereira

Sim! Estou na casa dela do litoral com o meu marido, o irmão dele e a namorada. Cada um tem seu home office, e todos ajudam nos afazeres domésticos. Enquanto um cozinha, o outro lava a louça, e assim por diante. 

 13) Você é muito consumista? Já chegou a ponto de cometer uma loucura de consumo? 

Não. Sou mais para pão-dura (risos). Prefiro investir em viagens e saúde a bens materiais.  

Leia também: David Cardoso critica Doria: "Pior ser humano da política brasileira no momento"

 14) O que a deixa maluca hoje em dia (no bom e no mau sentido)?

Muitas coisas, pois, desde que engravidei, estou com os hormônios à flor da pele. Sempre fui muito calma e tranquila, mas, durante a gestação, estou mais impaciente. Mas, enfim, o que me tira do sério realmente é injustiça. Mas, no momento, o coronavírus!

 15) Qual é a primeira coisa que você vai fazer quando sair da quarentena do coronavírus?

 Ir visitar minha família no Rio Grande do Sul. Estou com muita saudade deles. 


    Veja Também

      Mostrar mais