Jornalista da Globo esfaqueado em Brasília
Reprodução/Instagram
Jornalista da Globo esfaqueado em Brasília


Após levar dez facadas em uma tentativa de latrocínio na última quinta-feira (14), o repórter Gabriel Luiz, da Globo, recebeu alta da UTI e foi transferido para um leito da enfermaria do Hospital Brasília na tarde desta terça-feira (19). Seu quadro de saúde é estável.


Em entrevista ao jornal O Globo, o pai do jornalista, Wilton Luiz Araújo, informou que seu filho está bem e seguirá no hospital. "Gabriel já teve alta da UTI. Ele está bem e continua o tratamento."

Leia Também

O repórter da Globo segue sem previsão de alta e ainda não há informações de como será a continuidade de seu tratamento fora da UTI. Ele está consciente, foi extubado no fim de semana e tem reagido bem a todos os procedimentos adotados pela equipe médica.

Gabriel é repórter e editor do DF1, e levou dez facadas na noite da última quinta-feira. Os golpes perfuraram diversas partes de seu corpo, como abdômen e perna, além de alguns órgãos vitais, como pulmão e veias do pescoço.

A principal suspeita é que Gabriel tenha sido vítima de uma tentativa de latrocínio. O jornalista foi socorrido pelo Samu e levado em estado grave para o Hospital de Base, em Brasília. Após ser submetido a diversas cirurgias durante a madrugada, foi transferido para o hospital particular, onde segue internado até o momento.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários