Carla Vilhena trabalhou na CNN Brasil por um ano e meio
Reprodução/Instagram
Carla Vilhena trabalhou na CNN Brasil por um ano e meio


Carla Vilhena não chegou a completar dois anos no elenco da CNN Brasil e pediu demissão na tarde desta segunda-feira (14). A confirmação de sua saída foi feita minutos antes do Visão CNN, telejornal que ela apresentava, entrar no ar. Roberta Russo foi escalada às pressas.


Meu amigo Ricardo Feltrin publicou em primeira mão em seu Twitter sobre a saída de Carla, mas eu fui atrás de mais detalhes e descobri que o desfecho dessa relação não se deu de maneira amistosa. Ela acabou de se despedir de todos os colegas da Redação e já não está mais nas dependências do canal.

Ela se reuniu com Ellen Nogueira, diretora de Jornalismo do canal, e com Leandro Cipoloni, vice-presidente de Jornalismo da CNN Brasil, assim que chegou na empresa. Quem ouviu a conversa percebeu que os ânimos estavam exaltados e em alguns momentos houve até elevação no tom de voz.

Leia Também

Leia Também

Carla confirmou sua saída da CNN Brasil à coluna. "O que posso dizer: pedi demissão. São vários motivos, mas vou me ater a essa confirmação por enquanto", disse a apresentadora em uma breve troca de mensagens.

Em nota, a CNN Brasil confirmou a saída de Carla e agradeceu pelo tempo de serviço prestado pela âncora. "A CNN Brasil comunica que a jornalista Carla Vilhena, apresentadora do telejornal Visão, desligou-se da empresa nesta segunda-feira (14/3). A CNN agradece à profissional pelo empenho e talento dedicados ao canal e deseja todo sucesso em seus próximos desafios profissionais."

No Twitter, Carla Vilhena também avisou os seguidores sobre seu pedido de demissão e avisou que não está a caminho da RedeTV!.



    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários