Tamanho do texto

De capacete policial a colete à prova de balas com designes diferenciados, a loja traz produtos originais do artista de rua da Grã-Bretanha; coluna Bastidores também destaca "Minha Mãe é Uma Peça", Alok e mais

Banksy, o grafiteiro que se tornou o mais conhecido artista de rua da Grã-Bretanha graças as suas iniciativas que costumam misturar arte, performance e estratégias comerciais repletas de ironia, está com novidade para o público que curte seu estilo diferentão.

Leia também: Banksy reaparece com grafite que mostra mulher idosa usando fone de ouvido

Produtos originais da loja de Banksy arrow-options
Reprodução/ Gross Domestic Product
Produtos originais da loja de Banksy

Em sua própria página na loja online Produto Interno Bruto , Banksy está vendendo itens como um colete à prova de balas com a bandeira britânica, capacete policial em formato de bola de discoteca e bolsa feita de tijolo, tudo isso para compradores selecionados que responderem à pergunta: "Por que a arte importa?".  Os produtos variam de preços, que vão de 10 libras por uma lata de tinta da marca do artista a 850 libras pela faca usada por Stormzy no Festival de Glastonbury, em junho.

Leia também: Alok rebate Roberta Miranda e fala sobre preconceito com DJs: "Não culpo ela"

Apesar da variedade, os clientes podem comprar no máximo um item e para ter certeza que receberão o pedido, e provar que não são robôs, precisam responder a pergunta “Por que a arte importa?” (no site, o “por que” aparece riscado, em mais um ironia do artista). As respostas serão avaliadas por um juiz imparcial e independente, a saber, um comediante profissional de stand-up, segundo o site.

Os produtos originais, que receberão uma certificação de autenticidade no segundo aniversário da compra, têm um preço muito abaixo do valor de mercado. "Por favor, abstenha-se de se registrar neste momento, se você é um colecionador de arte rico", afirmou o site.

As obras do artista, que nunca revelou seu nome, dispararam em valor recentemente. Uma pintura de chimpanzés no parlamento britânico foi vendida por mais de US$ 12 milhões no início do mês, um preço recorde em leilão por seu trabalho . Os produtos disponíveis na loja online foram exibidos na loja temporária de artigos para casa da Banksy, no subúrbio de Croydon, no sul de Londres.

“Minha Mãe é Uma Peça” no Instagram

Filtro de Dona Hermínia no Instagram arrow-options
Reprodução/ Instagram
Filtro de Dona Hermínia no Instagram

Se transformar na icônica Dona Hermínia virou algo simples e possível, graças ao novo filtro do Instagram. Agora, os usuários da rede social poderão fazer selfies e vídeos com os bobes e a maquiagem características da protagonista de “Minha Mãe é Uma Peça”, para isso basta fazer o download do filtro no feed oficial do filme.

Vale ressaltar que o terceiro filme da franquia “Minha Mãe é Uma Peça” chega aos cinemas no dia 26 de dezembro.

Alok doa cachê para a Oktoberfest de Igrejinha

Dj Alok na Oktoberfest de Igrejinha arrow-options
Juliano Arnold
Dj Alok na Oktoberfest de Igrejinha

No último final de semana, Alok foi a atração da Oktoberfest de Igrejinha, no Rio Grande do Sul. Depois de se apresentar, o DJ brasileiro aproveitou para fazer uma boa ação ao evento, que conta com o apoio voluntário de mais de três mil pessoas na organização, e doou seu cachê da noite.

"Como que eu não vou fazer a minha parte se tem mais de três mil pessoas que fazem isso acontecer de forma voluntária. É o mínimo que eu podia fazer, eu amei essa cidade e eu vou guardar vocês no fundo do coração", declarou Alok após ao anunciar sua contribuição. É preciso destacar ainda que os valores conseguidos no evento são revertidos para instituições e entidades de Igrejinha e região em áreas como saúde, educação, infraestrutura e segurança pública.

Marcelo Tas entrevista Bruno Mazzeo

Marcelo Tas entrevista Bruno Mazzeo arrow-options
Reprodução/ TV Cultura
Marcelo Tas entrevista Bruno Mazzeo

Nesta terça-feira (22), Marcelo Tas recebe Bruno Mazzeo no “#Provocações”, que vai ao ar às 22h15, na TV Cultura . Na ocasião, o filho de Chico Anysio, fala sobre a segunda temporada da série “Filhos da Pátria”, criada e dirigida por ele na Rede Globo .

Além de falar desta novidade, não falta assunto sobre seu pai. O artista comenta a respeito da “Escolinha do Professor Raimundo”, onde interpreta o professor, icônico papel marcado por Chico.

Outros assuntos como assédio da imprensa, experiência como pai de gêmeos e sua relação com Anysio, também são pauta da entrevista com Marcelo Tas.

Leia também: Marcelo Tas diz que "CQC" valorizou Bolsonaro no universo da política

Lançamentos de livros na 43ª edição da Mostra

Mulheres Atrás das Câmeras: As Cineastas Brasileiras de 1930 a 2018 arrow-options
Reprodução
"Mulheres Atrás das Câmeras: As Cineastas Brasileiras de 1930 a 2018"

A novidade no mundo da arte não é apenas de Banksy . Entre os dias 21, 22, 23, 24, 28 e 29 de outubro a 43ª edição da Mostra, em São Paulo, promete agradar os cinéfilos e lança seis livros que revelam histórias do cinema: “Mulheres do Cinema”, “Paulínia -- Uma História de Cinema”, “Mulheres Atrás das Câmeras: As Cineastas Brasileiras de 1930 a 2018”, “Cinema para Russos, Cinema para Soviéticos”, “Cao Guimarães -- Consuelo Lins” e “Trajetória da Crítica de Cinema no Brasil”.