Brilhando em “Topíssima”, da Record TV, o Bruno Guedes vive uma ótima fase profissional e pessoal. Na televisão, o rapaz dá vida ao primeiro vilão de sua carreira, o traficante Edison. Já na vida pessoal, o ator lida com a paternidade de Zion, seu primogênito de apenas dois meses.

Leia também: Fãs de Sandy Junior gastam R$ 15 mil para ir a todos os shows

Bruno Guedes
Divulgação/ Black Comunicação
Bruno Guedes, de "Topíssima"


Sobre desbravar o campo da paternidade, Bruno Guedes não poderia estar mais feliz. “Todo dia é um desafio novo. Eu brinco que ter um filho é que nem videogame, cada dia é uma fase diferente. Mas a parte que eu mais gosto é a do banho. Coloco músicas, é um momento muito nosso”, declara o ator à reportagem do iG Gente.

Já sobre conciliar o trabalho em " Topíssima " e a paternidade, Guedes é categórico: “Na primeira semana, achei que não fosse conseguir. A gente acha que o que as pessoas falam, de não dormir direito, por exemplo, é da boca pra fora. E não foi. O Zion nasceu numa semana bem intensa da novela, eu acabei ficando mais ansioso, foi difícil. Mas depois deu tudo certo. Depois do sétimo, oitavo dia, meu corpo já entendeu o que é a falta de sono”, brinca ele.

Sobre seu personagem, um estudante de medicina que entra para o tráfico de drogas, o artista conta que fez alguns workshops de medicina para aprender a manusear os equipamentos utilizados na área. Além disso, Bruno fez suas próprias pesquisas, recorrendo a filmes e séries, pessoas da área da saúde e até delegacias de polícia.

Sem defender o personagem, Bruno diz que tem sim algo em comum com ele: a humanidade. “O Edison é um personagem humano, que não teve oportunidade, que viu no tráfico uma chance de ganhar a vida. Ele não é ruim porque quer, e sim porque precisou recorrer àquele tipo de coisa para ganhar a vida. Ainda assim, as atitudes dele são injustificáveis”, declara.

Fábio Lopes assina direção de Edson e Hudson

Edson e Hudson
Reprodução/Instagram
Edson e Hudson


Depois de assinar a direção do projeto "Amigos", Fábio Lopes fez também a direção geral e concepção do novo DVD de Edson e Hudson, "Amor + Boteco", que foi gravado em São Paulo no último final de semana.

Leia também: Mario Frias estreia novo programa na Rede TV!, "A Melhor Viagem"

“O conceito com o ‘+’ é para simbolizar tudo o que soma, com MAIS mesmo. O projeto traz releituras de grandes sucessos atemporais e músicas inéditas! E tudo o que Edson+Hudson somam na história da música sertaneja”, conta Fábio.

Segundo ele, a dupla assume isso em sua marca reestilizada “E+H”. Para isso, o diretor criou um cenário moderno com símbolo “+’, todo em perspectiva e profundidade, trazendo uma visão privilegiada para qualquer ângulo em que você estiver olhando o palco.

Detonautas em São Paulo

Detonautas
Divulgação
A banda "Detonautas" retorna à São Paulo


O Detonautas Roque Clube retornará a São Paulo depois de mais de três anos longe dos palcos na capital paulista. O show acontecerá no Templo Music, no dia 2 de agosto, sexta.

A banda vem preparando um repertório com todos os seus grandes hits, como O Dia Que Não Terminou , Retorno de Saturno , Quando o Sol Se For , Olhos Certos, Outro Lugar , O Amanhã , Você Me Faz Tão Bem , e até sucessos recentes, como Por Onde Você Anda? e Ilumina o Mundo .

Leia também: Ator Bruno Guedes é abandonado por Uber e desabafa sobre hostilidade na web

    Veja Também

      Mostrar mais