Tamanho do texto

"Hafis & Mara" abre mostra com foco no cinema suíço e é um dos destaques da coluna Bastidores desta terça-feira (29); confira as demais atrações

 O 7º Panorama do Cinema Suíço Contemporâneo chega ao Rio de Janeiro nesta semana após ficar em cartaz em São Paulo por boa parte do mês de maio. A mostra fica em cartaz no Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB RJ) de 30 de maio a 16 de junho. Itinerante, o evento também está em cartaz no CCBB DF até o dia 10 de junho.

Leia também: Parou tudo! Celebridades repercutem greve dos caminhoneiros nas redes sociais

Cena de Hafis & Mara, um dos destaques sétima edição do Panorama do Cinema Suíço Contemporâneo
Divulgação
Cena de Hafis & Mara, um dos destaques sétima edição do Panorama do Cinema Suíço Contemporâneo

O filme de abertura do 7º Panorama do Cinema Suíço Contemporâneo é “Hafis & Mara”. O documentário dirigido pelo sírio Mano Khalil é uma melancólica declaração de amor à arte a partir das reflexões e da observação da rotina do casal Hafis e Mara Bertschinger.

Hafis é um artista impulsivo, enquanto Mara é uma mulher calma, caseira e que costuma não se expressar. Mas o filme desafia essa dinâmica e busca problematizar a natureza dessa relação. Em um dado momento, a postura de Hafis começa a ser questionada por Mara e é justamente o acesso a esse quadro que torna o filme relevante.

Khalil parece especialmente interessado na maneira intransigente como um artista reflete sua arte e monopoliza seu meio. O cineasta esteve em São Paulo para a abertura do evento na cidade.

Outros destaques

Além do filme de abertura, o público terá acesso a mais de 15 longas-metragens, nos gêneros documentário e ficção, destaque para o inédito “Diário da Minha Cabeça”, de Ursula Meier, vencedora do Urso de Prata no Festival de Berlim 2012 com o filme "Minha Irmã"; “O Som da Voz”, de Bernard Weber, que recebeu o Prêmio do Público no 53º Solothurner Filmtage; “O Tribunal do Congo”, dirigido por Milo Rau, que recebeu Menção Honrosa no DOK Leipzig, e “Sobre Ovelhas e Homens”, de Karim Sayad, que o foi o filme vencedor do Prêmio do Júri no 53º Solothurner Filmtage; entre outros.

Mais polêmica pela frente

A Netflix confirmou a segunda temporada de “O Mecanismo”, série criada e produzida por José Padilha (“Tropa de Elite”). As filmagens do segundo ano começam no fim do ano e o lançamento está programado para 2019.

Leia também: "O Mecanismo" dá ritmo de thriller policial à rotina política brasileira

A volta de Tracy Morgan

The Last O.G
Divulgação
The Last O.G

Produzida pelo vencedor do Oscar Jordan Peele, “The Last O.G” marca o retorno de Tracy Morgan à TV. A série acompanha Tray (Morgan), um ex-presidiário que volta ao Brooklyn, depois de uma sentença de 15 anos, para encontrar a sua ex-namorada que agora cria seus filhos com um marido branco.

“The Last O.G” estreia nesta quinta-feira (31), às 18h20, no TBS. Serão exibidos dois episódios na sequência.

Keep calm, são só zumbis

Cena do filme 'Extermínio', de 2002
Divulgação
Cena do filme 'Extermínio', de 2002

Na semana do feriado prolongado, quem ficar em São Paulo poderá conferir uma maratona de cinema com temática zumbi. De 01 a 03 de junho, o Centro Cultural São Paulo abrigará também sessões indoor de títulos aclamados do cinema de terror e sucessos de bilheterias, como filmes da franquia “Resident Evil”, “Extermínio” (2002) e o clássico britânico “Todo Mundo Quase-Morto” (2004).

A programação da maratona também contará com uma animada tarde de discotecagem ao vivo no sábado (2).  A Sunset Zumbi by Papelpop tomará os jardins suspensos do CCSP e preparará o público para a sessão de cinema ao ar livre de “Orgulho e Preconceito e Zumbis” (2016), que será exibido ao final da tarde.

No domingo (3), Armando Fonseca, Kapel Furman e Raphael Borghi - apresentadores do programa Cinelab (Universal Channel), comandam o Painel de Efeitos Especiais e Cinema de Terror: Como lutar contra um morto-vivo. O encerramento da maratona no domingo se dará com a exibição outdoor da superprodução estrelada por Brad Pitt, “Guerra Mundial Z” (2013).

As atrações fazem parte 22º Cultura Inglesa Festival que se estende com intensa e diversificada programação cultural na cidade até o dia 17 de junho.

Leia também: Festival de cinema suíço chega ao Brasil com preços acessíveis e obras inéditas

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.