Tamanho do texto

Entrevista com Tiago Arakilian, diretor de filme que aborda a velhice é principal destaque da coluna Bastidores desta quarta-feira (23)

José de Abreu faz um juiz viúvo e aposentado que decide virar sócio de um clube de strip-tease em Copacabana para desgosto de sua filha que move um processo de interdição judicial. A trama sugere um drama familiar pesado, mas “Antes que Eu Me esqueça” não é nada disso.

José de Abreu e Danton Mello nos bastidores de Antes que eu me Esqueça
Divulgação
José de Abreu e Danton Mello nos bastidores de Antes que eu me Esqueça

“O primeiro impulso que tive para esse filme foi observando um senhor na praia, já do alto de seus 80 anos, bem curvo, que sempre que parava uma mulher atraente, ele parava e olhava”, diz o diretor de “Antes que Eu Me Esqueça” em entrevista à coluna.  “Me interessei em falar dessa libido tão grande que fica na gente, que abastece esse desejo de estar vivo. De se sentir vivo”.

Leia também: Dando a volta por cima! Após perder 8kg, ex-BBB Patrícia ostenta corpão na web

Thiago Arakilian conta que já tinha um relacionamento com a terceira idade porque, quando criança, sua mãe tinha uma casa de repouso em São Paulo.  “A sociedade precisa encontrar um lugar a terceira idade ser feliz”, advoga o diretor.  “O primeiro impulso que a pessoa tem de senilidade e a família já quer interditar a pessoa. Cercear a liberdade. Tirar a autonomia de uma pessoa é uma ação muito brutal”.

Seu filme enseja essa reflexão com docilidade. “A ideia do roteiro é de que a boate fosse um lugar de redenção. Queríamos tratar a boate como um lugar inusitado e justamente por isso a boate nunca é sexualizada”, observa. “Tanto é que o Polidoro quase dorme durante o show de strip. O que ele quer é o afeto. Conhecer pessoas”.

Tiago conta que os atores se apaixonaram pelo projeto e “toparam fazer de imediato. Sem saberem sequer de quanto seria o cachê”.  Além de José de Abreu, Danton Mello, Mariana Lima, Guta Stresse e Dedé Santana integram o elenco.

O filme, que estreia nos cinemas brasileiros na próxima quinta-feira (24), também tem carreira internacional garantida em festivais, como Milão e Xangai, e estão em curso negociações com a FOX, que está interessada em distribuir o filme internacionalmente.

Danton Mello e José de Abreu em cena do delicado Antes que eu me Esqueça
James Patrick o´Malley
Danton Mello e José de Abreu em cena do delicado Antes que eu me Esqueça

Tiago se diz satisfeito tanto com o resultado como com a repercussão e credita isso ao fato d éter feito um filme que “não funciona só para circuito comercial ou circuito de arte, mas que se estabelece no meio termo”. Ele acredita que produções com essa conotação são uma carência do cinema brasileiro que costuma trafegar pelo que chama de “gêneros marcados”.

O diretor espera que sua “comédia dramática” ajude as pessoas a liderem melhor com a velhice. “Muitas vezes a gente não percebe, mas não estamos envelhecendo bem”. Ele disse que o filme foi terapêutico para todos que participaram. “Eles trouxeram suas memórias, seus anseios, suas histórias. Todo mundo se já não lidou com algum parente velho, sabe que irá lidar em breve”.

 Noites do Guarujá

A galera do Der Baum
Divulgação
A galera do Der Baum

Um disco com o nome "Guarujá Nights" chama a atenção e é bom que seja assim. O primeiro álbum da Der Baum , que pode ser encontrado em todas as plataformas de streaming, é cheio de energia e potência. É um disco feito por e para a geração millennial. Em todos os sentidos possíveis. A banda já está com dois singles lançados, #semfiltro e Para inglês ver, mas as melhores músicas no crivo da coluna são If you call e Você Passou.

A Der Baum, que significa árvore em alemão, é uma banda do ABC paulista formada em 2014 a partir de referências dos movimentos pós-punk e new wave. Atualmente a formação conta com quatro integrantes: Fernanda Gamarano (guitarra e vocal), Ian Veiga (teclado e vocal), Vanessa (baixo e vocal) e César (bateria e vocal).

Leia também: "Carter", terceira série original do Crackle, estreia em 1º de junho

Cartaz da nova atração da Disney
Divulgação
Cartaz da nova atração da Disney

Sessão nostalgia

O Disney Junior resgata os personagens mais amados da década de 80 em Muppet Babies.  A produção traz de volta os amados personagens Kermit – o sapo, Miss Piggy, Fozzie – o urso, Gonzo e Animal. A Disney também apresenta a pinguim Summer, nova integrante da turma que promete aprontar bastante em sua mesa de arte.  No dia 10 de junho vai rolar um sneak peek especial às 11h.

A série é ambientada em um berçário e narra as travessuras dos personagens que, a cada episódio, usam a imaginação para se transportarem a universos fantásticos e bastante distintos, imprimindo os estilos de cada um através de colagens, quadrinhos, desenhos animados e até imagens de ação ao vivo.

Reserve na agenda

Nesta quinta-feira (24), o MECATalks recebe, a partir das 19h30, a convidada Brona, influencer e astróloga da revista Elle, para falar sobre o aumento do interesse da sociedade acerca da astrologia no panorama das últimas décadas e quais as consequências da volta dessa popularização sobre assunto.

Astróloga fala sobre alta no interesse pela astrologia
Divulgação
Astróloga fala sobre alta no interesse pela astrologia

Bruna Paludo, gaúcha, da cidade de Porto Alegre, formada em Direito, pela Universidade de Passo Fundo, exerceu a profissão durante três anos em prol dos Direitos Humanos.
Há 7 anos estuda astrologia, como um hobby. Em 2017 veio morar em São Paulo e realizou um curso, sem pretensão profissional, com a taróloga Edy de Luca, de forma orgânica se encantou com as cartas. “Comecei a tirar para amigos de amigos, de repente foi tomando meu tempo, uma proporção e quando vi já estava trabalhando com isso”, conta.

O #MECATalks é realizado todas às quintas-feiras no MECASpot, que fica na rua Artur de Azevedo, 499, no bairro de Pinheiros, em São Paulo. A entrada é gratuita. 

Boa opção no streaming

Cena de O Insulto, que chega ao streaming
Divulgação
Cena de O Insulto, que chega ao streaming

Indicado ao Oscar de melhor filme estrangeiro em 2018, o libanês "O Insulto" já está disponível nas plataformas digitais iTunes, Now e Google Play. O drama, escrito e dirigido por Zaid Doueiri, trata-se de um conflito entre um cristão libanês e um refugiado palestino e foi o primeiro longa libanês a concorrer ao prêmio da Academia de Artes e Ciências Cinematográficas de Hollywood. 

O roteiro foi inspirado numa discussão entre o próprio diretor com um encanador. Ao saber que o homem foi demitido por essa razão, Zaid Doueiri entrou em sua defesa e se desculpou. Assim, a narrativa parte da intolerância que há no ser humano para mostrar ao público a dimensão que ela pode atingir, propondo-se a discutir o tema sem fazer julgamento de valor.

Leia também: "Antes que eu me Esqueça" lança olhar tenro sobre como lidamos com a velhice

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.