Tamanho do texto

Ex músico do Angra e atualmente no Almah, Edu Falaschi falou ao iG sobre o heavy metal no Brasil e o show que fez em São Paulo em julho

Depois de uma carreira de sucesso com o Angra , Edu Falaschi agora alça voos solo e com sua nova banda, o Almah . Em julho, o músico fez um show em São Paulo e gostou muito do que viu por aqui. "O primeiro show foi um enorme sucesso, esgotado com mais de 1.600 pessoas", disse o cantor em entrevista ao iG .

Leia também: Massacration volta aos palcos e garante ser a maior banda de rock da história

Ex-Angra, Edu Falaschi fala sobre a carreira e o futuro com a banda Almah
Divulgação
Ex-Angra, Edu Falaschi fala sobre a carreira e o futuro com a banda Almah

Apesar do heavy metal não ser o gênero mais popular do Brasil, Edu Falaschi acredita que os artistas do gênero são bem tratados no País, usando sua própria experiência como parâmetro. "Eu sou sempre muito bem tratado pelos meus fãs, mantenho sempre uma proximidade, acho importante o artista estar sempre perto da galera", afirmou o músico.

Brasil no exterior

No exterior, o Brasil é reconhecido como um dos grandes produtores de heavy metal no mundo. Bandas como Sepultura e o próprio Angra elevaram a produção do País a um novo patamar. "O Brasil, musicalmente, é múito respeitado no Japão, na Itália. Na América do Sul tenho um público bastante fiel", disse o cantor.

Para ele, parte desse reconhecimento vem do fator exótico. "O jeito que fazemos heavy metal é diferente dos europeus, por exemplo. Acho que soamos exóticos pros outros países, acho que isso ajuda a nos destacar", explicou.

Mudanças

Com 28 anos de carreira, Falaschi pegou várias fases no heavy metal no Brasil. Para ele, as mudanças sempre são importantes. "Mudanças são importantes. O metal já mostrou diferentes influências, misturas, muitas bandas mudam a cada disco, sempre buscando inovar, isso é muito bacana. Inspirador", definiu o cantor.

Websérie

A cantora colombiana Victoria Saavedra lançou a websérie "Latinas" em seu canal no YouTube. Nos vídeos, a artista se encontra com musicistas brasileiras para ajudar a fomentar uma cena de música latina na web. Em toda a série, ela recebe nomes conhecidos na cena brasileira, como Nana Strassacapa, Anna Tréa e Luedji Luna.

Leia também: Colombiana Victoria Saavedra lança o single "Passam"

Victoria Saavedra e Anna Tréa estrelam o segundo episódio da websérie
Divulgação/Menu da Música
Victoria Saavedra e Anna Tréa estrelam o segundo episódio da websérie "Latinas"

"A ideia de convidar apenas artistas brasileiras veio justamente daí, de abrir essa conexão da minha música e das minhas raízes com essas mulheres", comenta Victoria. "A música brasileira é também música latina, é tudo uma coisa só, por isso a ideia de eu cantar uma música minha e outra da convidada especial", explica a cantora. Assista à websérie no YouTube .

Clipe

A banda gaúcha Frida lançou o clipe de  Quando O Amor Acaba , seu mais recente single. O vídeo simples foi gravado em take único e mostra uma garota na praia. "Um clipe forte, denso e que desenha muito bem a intenção da composição, um recorte sobre a dor do invisível e a relação com o imutável", explica a banda. Assista ao vídeo no YouTube .

Give Me A Home

O festival Give Me A Home, realizado pelo Sofar Sounds e pela Anistia Internacional, anunciou nessa quinta-feira (31) as atrações da versão brasileira. Em São Paulo, tocarão Liniker e os Caramelows, Giovani Cidreira, Luciana Mello e Yannick Dellas.

O evento acontecerá simultaneamente em mais de 60 países no dia 20 de setembro. Ao redor do mundo, atrações como Esperanza Spalding, Hot Chip, Ed Sheeran, Mumford and Sons e The National farão shows intimistas para levantar fundos de apoio aos refugiados. Os ingressos são gratuitos e podem ser adquiridos através do site oficial do festival. Os interessados devem se candidatar às entradas, que serão sorteadas. O local dos shows em São Paulo será revelado 48 horas antes do evento, apenas para quem tiver os ingressos.

"Conversa com Bial"

O "Conversa com Bial" desta sexta-feira (1) irá falar sobre música e nostalgia. Os entrevistados da noite serão os Paralamas do Sucesso, uma das bandas mais imoportantes do rock nacional. Bial relembra quando entrevistou o grupo em 1985, durante o Rock in Rio.

Leia também: Fora do Titãs, Paulo Miklos lança álbum e diz: "É como se fosse um RG meu"

Os Paralamas do Sucesso são atração do programa
Divulgação
Os Paralamas do Sucesso são atração do programa "Conversa com Bial" desta sexta-feira (1)

O grupo fala sobre a trajetória de décadas e a manutenção da mesma formação desde os anos 1970. "Construímos a nossa confiança no palco. A gente aprendeu a tocar em público, sob os holofotes. E sempre fomos só nós três", diz Herbert Viana. Além das referências musicais, Pedro Bial também indaga o grupo sobre a origem do nome. Para a surpresa do jornalista e do público, o baixista responde: “Na verdade, tentamos ver quem conseguia produzir o pior nome possível!”. O "Conversa com Bial" vai ao ar à 0h40, na Globo.

Lucero no "Domingo Legal"

A atriz mexicana Lucero é uma das atrações do "Domingo Legal" deste domingo (3). A intérprete de Tereza em "Carinha de Anjo" vai participar de um game com o elenco da novela. "No time feminino, Lucero conta com as parceiras Irmã Fabiana (Karin Hils), Diana (Camila Camargo), Bárbara (Renata Randel) e Rosana (Angela Dippe). Já no time masculino tem Gustavo (Carlo Porto), Zeca (Jean Paulo Campos), Cristóvão (Guilherme Gorski), Pe. Gabriel (Alcemar Vieira) e Miguel (Pedro Miranda). Na competição, eles terão que responder perguntas e participar das provas desafiadoras no palco do programa. O "Domingo Legal", com Celso Portiolli, vai ao ar às 13h, no SBT.

Repetindo a dose

Os atores Keanu Reeves e Winona Ryder vão voltar a viver um romance nas telonas. Depois de atuarem juntos em "Drácula de Bram Stoker" e "O Homem Duplo", eles vão contracenar em "Destination Wedding", uma comédia romântica dirigida por Victor Levin.

Reeves e Ryder vão interpretar dois visitantes indesejados que são obrigados a ir a um casamento. Lá, eles vão se envolver e dar início a um novo relacionamento, mas isso não será nada fácil. O filme ainda não tem previsão de lançamento.

Mais metal

Depois do sucesso de seu primeiro show em São Paulo, Edu Falaschi já projeta os próximos shows na capital paulista. "Faremos mais um show em SP no ano que vem em Janeiro e estamos preparado um novo repertório com várias músicas que os fã pediram e que faltaram na primeira parte da tour. Será inequecível", antecipou o cantor.

    Leia tudo sobre: músicas