Dupla Dolls relembra 'rasteira' de Latino: 'Dano foi emocional'
Reprodução/montagem - 09/06/2022
Dupla Dolls relembra 'rasteira' de Latino: 'Dano foi emocional'

Sucesso com o hit "Chicletinho", da trilha sonora de "Malhação" em 2008, a dupla Dolls, formada pelas irmãs cariocas Grazy e Jessica, revelou uma mágoa antiga que tem do Latino, padrinho musical delas.

As duas contam que quando estavam no auge do sucesso Latino passou uma rasteira nelas, dando para uma outra cantora uma música que ele teria feito para elas.

"A história foi a seguinte: ele mandou essa música ('Boy friend') para gente e para outros artistas. Mandou para o grupo Rouge, para uma cantora chamada Karin, de São Paulo. A gente estava ensaiando a música para a gravar. Na época, a cantora Luka, do hit "Tô nem aí', estava fazendo o arranjo da música para gente. A gente ia gravar a música na semana seguinte, aí ouvimos a música na rádio. Foi um baque", revelou as irmãs em entrevista ao "Pan Podcast".

Grazy e Jessica lembram que já tinham gravado umas cinco músicas de Latino e que o cantor tinha um ótimo relacionamento com elas e sua família, mas que depois do episódio, a relação azedeu.

"A gente ficou triste, mas meu pai ficou muito [email protected] Imagina o seu irmão, parceiro, amigo e padrinho musical fazer isso com você? Doi mais, né?. Foi um dos primeiros baques que a gente sofreu na nossa carreira. Meu pai ligou e esculachou ele", lembra. "Hoje, a gente não sofreria da forma que a gente sofreu. O dano foi emocional. Houve aquele baque na amizade. Nós éramos muito novas. Hoje, eu sei que o mercado funciona assim".

"Latino é assim. Ele é marqueteiro, visionário, gosta de dinheiro. No nosso relacionamento, eu senti falta de consideração, pois a gente tinha um vínculo com ele, envolvendo os nossos pais. O nosso pai ficou até mais triste. Ele abriu as portas da nossa casa. A gente tinha um vínculo de amizade e nos sentimos assim: quando ele precisou, a gente estava ali. Aí ele conseguiu se reerguer e se ausentou demais", acrescentou uma das irmãs.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários