Ex-mulher de Tom Veiga alerta novo papagaio:
Reprodução/Montagem 05.04.2022
Ex-mulher de Tom Veiga alerta novo papagaio: "brilhe apagado"

Ex-mulher de Tom Veiga, o intérprete do Louro José, e mãe da filha dele, Alessandra Veiga fez um novo desabafo nas redes sociais sobre a chegada de um novo ator para substituir o famoso papagaio do programa "Mais você" , apresentado por Ana Maria Braga.

Entre  no canal do iG Gente no Telegram e fique por dentro das principais notícias dos famosos e da TV

Em um post em um perfil dedicado ao ex-marido, ela afirmou aprovar o novo personagem, que se apresenta como o "filho de Louro José".

"Acho, sim, que tem que ser o mesmo personagem e que ele se perpetue. Imagina só daqui a 100 anos e o Louro ainda existir... O legado está ali, seguiu, passou por várias gerações... Afinal, papagaios duram mais de 70 anos", escreveu Alessandra no Instagram.

"O Tom sempre será lembrado por ter sido o primeiro a dar vida ao Louro José. Eu, de verdade, desejo que o Louro siga fazendo muito sucesso (acho até que deveria seguir sendo o Louro José). E acho que o Tom amaria saber disso de que seu legado seguiu", continuou ela.

A ex-mulher de Tom Veiga terminou o post desejando sorte ao substituto de Louro José:

"Vamos desejar sorte e perseverança a esse novo rapaz, porque não é fácil num começo assim ser comparado, igualado ao 'pai' Louro, o nosso Tom Veiga. Vamos colocar energia positiva nessa nova fase pra que o personagem viva pra sempre".

Alessandra e Tom Veiga foram casados por 17 anos e se separaram em 2018. Eles são pais de Alissa, de 16 anos, e estavam reatando o relacionamento um pouco antes da morte do ator, que aconteceu em novembro de 2020.

'É insubstituível'

Na última terça-feira, após o anúncio da chegada do novo papagaio ao programa "Mais você", a ex-mulher de Tom Veiga fez um desabafo dizendo que o ex-marido é um "insubstituível".

Leia Também

"Desejo a esse rapaz muita sorte nesse novo desafio de fazer ser lembrado o trabalho do nosso amado Tom Veiga. (...) O Tom só foi perfeito, porque nunca quis aparecer, ser artista, porque senão jamais duraria até o dia da partida dele.(...) Pra nós aqui da família, o Tom é insubstituível, mas para muitos ele é substituível e tudo bem, a vida é feita de começos e fins, mas desejo do fundo do coração que esse moço faça um belíssimo trabalho, mas com parcimônia, 'no sapatinho' pra durar muito, mas muito mais que 23 anos", escreveu Alessandra.

Além de desejar sorte e sucesso ao "novo" Louro José, Alessandra destacou a importância da continuidade do personagem criado pelo ex-marido.

"E viva a continuidade do nosso eterno Louro José e a sempre lembrança da criação (voz e personalidade) do nosso incrível e amado Tom Veiga".

Leia o texto na íntegra:

"Coisa maluca essa coisa” que chamamos de vida… ela vem, ela vai… e a única coisa que realmente fica é o que fomos e o legado que deixamos, porque tudo é substituível, mas é normal, a vida é cíclica"

"Desejo a esse rapaz (que infelizmente eu ainda não sei o nome pra postar aqui) muita sorte nesse novo desafio de fazer ser lembrado o trabalho do nosso amado Tom Veiga. Desejo, de verdade, que ele brilhe nessa 'continuidade', mas brilhe 'meio apado' porque se brilhar muito, logo ele será, digamos…. Afastado por algum motivo, porque no programa todos podem colaborar, ninguém pode brilhar muito, aparecer muito, se destacar muito. O Tom só foi perfeito, porque nunca quis aparecer, ser artista, porque senão jamais duraria até o dia da partida dele. Alguém que conhece bem os bastidores ousaria discordar do que eu estou escrevendo? Não, né?".

"Desejo a esse moço que ele saiba a hora de falar, saiba quando as pessoas estiverem de mal humor e, de novo, saiba a hora de falar. Saiba notar a voz da apresentadora dentro do estúdio quando, por ventura, o equipamento falhar e ele não conseguir ver 'a quantas' está o programa, enfim… essas coisinhas básicas que o Tom tirava de letra e sempre comentava comigo.

"Pra nós aqui da família, o Tom é insubstituível, mas para muitos ele é substituível e tudo bem, a vida é feita de começos e fins, mas desejo do fundo do coração que esse moço faça um belíssimo trabalho, mas com parcimônia, 'no sapatinho' pra durar muito, mas muito mais que 23 anos".

"E viva a continuidade do nosso eterno Louro José e a sempre lembrança da criação (voz e personalidade) do nosso incrível e amado Tom Veiga, que, como disse o Faustão uma vez… o Tom era um artista que, num mundo onde todos queriam aparecer, ele se mantinha discreto. Isso fazia com que ele fosse único (não coloquei aspas, pq não foram as palavras exatas, mas esse era o contexto da mensagem). Vida longa a continuidade do Louro José".

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários