Karol Conká
Reprodução/Globoplay - 31/03/2022
Karol Conká


A cantora e ex-BBB Karol Conká, dona do maior recorde de rejeição da história do Big Brother Brasil, participou do programa "Encontro", da Globo, nesta quinta-feira (31) e analisou tudo que viveu após a eliminação do "BBB 21".

Karol não se arrepende de ter entrando no programa, mas garantiu que a vilã do "BBB" ficou no passado. Agora, a cantora vive uma nova fase musical e romântica.

"Passei mel na língua. Essa língua agora só beija o namorado. Sei que fui um exemplo do que não fazer. E eu me orgulho porque sobrevivi a isso", disse Conká.

Leia Também


Apesar da rejeição, Karol Conká explica que o reality da Globo rende coisas boas até para vilãs. "O Big Brother traz coisas boas até para as vilãs. Não tenham medo. Entrem, se joguem. É para errar e aprender", comentou.

A cantora contou para Fátima Bernardes os preferidos do "BBB 22". A "mamacita" quer um pódio dominado pelas comadres. "O meu pódio é Lina, Nat e Paulo André, mas eu tenho um carinho muito grande pelo Pedro Scooby. Se eu estivesse nessa edição, seria mais sossegada. É todo mundo mais sossegado", completou.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários