Anitta no clipe de
Instagram
Anitta no clipe de "Faking Love"

Anitta está com tudo na carreira musical. Após apresentação no VMA, e "Girl From Rio" fazendo sucesso nas rádios dos Estados Unidos, ela acaba de lançar a música "Faking Love" , em parceria com a cantora Saweetie. O clipe sai nesta sexta-feira (15) e a funkeira revela que passou por vários perrengues durante as gravações do vídeo por conta de problemas com a equipe.

"Faking Love" é a primeira música da nova fase da carreira de Anitta que traz a batida do funk. Ela optou por usar elementos do funk melody, parecidos com os de suas primeiras músicas. "É como se eu estivesse começando de novo mesmo a minha carreira musical", diz a cantora durante coletiva de imprensa para divulgar o single.

Sobre a gravação do clipe, a Poderosa é direta ao dizer que foi "insuportável, péssimo e horrível". Ela explica que a equipe contratada para as gravações, com quem ela não tinha trabalhado antes, foi muito enrolada e atrasou todo o trabalho, tanto que ela até perdeu um voo marcado para o mesmo dia. "Comecei a ficar louca, dando meus chiliques, aqueles que vocês já viram na série. Não fazia sentido aquela demora toda. Chegou no final e não tinha cena para o clipe inteiro. Foi uó", conta.

Próximos trabalhos

Anitta já lançou três músicas voltados para o mercado estadunidense: "Me Gusta", "Girl From Rio" e "Faking Love". A funkeira fala que esses singles foram pensados para que o público a conhecesse e criar uma base para a carreira internacional, mas adianta que sua aposta para o grande hit ainda está por vir e deve estrear em janeiro.

Antes dessa grande promessa, a cantora tem mais dois singles programados. No próximo mês, ela deve lançar um single em espanhol com o foco no mercado latino e em dezembro chega uma nova música em português.

Nas próximas músicas, que farão parte do álbum "Girl From Rio", Anitta diz que irá explorar mais elementos do funk, mas explica que irá introduzir o ritmo ao pouco, para ir acostumando o público dos Estados Unidos com esse estilo. "Não é igual no Brasil que a galera tem anos e anos ouvindo funk. Aqui não, aqui o funk é uma coisa completamente nova. Tem que começar em doses homeopáticas, como foi no Brasil. Quando eu comecei, ainda não tocava funk nas rádios, era bem mal aceito. Eu precisava mexer nas minhas produções, deixar bem pop para irem se costumando com o ritmo até que eu consegui colocar funk de verdade. É a mesma coisa aqui", diz.

Leia Também

Leia Também

Carreira internacional

Vivendo em Miami, nos Estados Unidos, e se dedicando à carreira internacional, Anitta conta que sente como se estivesse começando uma nova carreira, pois tudo o que conquistou no Brasil não tem uma importância tão grande no exterior.

"Não adianta ser a maior do Brasil, ninguém quer saber disso, querem saber do trabalho que eu estou fazendo aqui. É uma nova carreira. É um exercício para todos nós não ficarmos esperando os mesmos resultados que eu tinha no Brasil agora que eu já estou gigante. Todo mundo fica com essa expectativa, mas as pessoas esquecem que eu estou no meu terceiro single. Se eu for pensar na minha terceira música no Brasil foi 'Fica Só Olhando', ninguém nunca ouviu fora do Rio de Janeiro e nunca nem tinha tocado em uma rádio. Preciso sempre organizar a minha cabeça e pensar que é um novo início. Não posso ter ego de querer ser tratada como uma superstar, estou só começando e é isso mesmo", diz.

Anitta afirma estar feliz com tudo o que conquistou e revela já conseguir se sustentar apenas com os seus trabalhos internacionais, o que considera uma grande conquista. "Nunca achei que minha carreira iria dar certo assim. Sempre vou meio pessimista. Parece que eu tenho coragem, mas vou com medo mesmo. Sempre acho que vai dar errado, mas continua fazendo", comenta.

Pausa na carreira

Há algum tempo, Anitta falou que pensava em dar uma pausa na carreira antes dos 35 anos, para conseguir aproveitar tudo que conquistou, ter filhos e conseguir focar na vida pessoal. Ela não descarta esse plano e diz se cobrar bem menos do que fazia no passado.

"Estou super feliz com tudo que eu conquistei, não estou exigindo mais tanto de mim. Se der certo, deu, continuo trabalhando para isso. Se não superar as minhas expectativas, eu não fico frustrada. É muito inacreditável tudo que eu fiz, não dá para cobrar mais do que isso", diz.

Inclusive, a funkeira fala que está aproveitando muito mais a vida e descansando mais com a vida no exterior. A funkeira conta que vive indo em festas e considera que sua carreira já deu certo, por isso pode relaxar e não precisa mais trabalhar como antes.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários