Thiago e Bruno Gagliasso
Reprodução
Thiago e Bruno Gagliasso

Thiago Gagliasso, irmão mais novo de Bruno Gagliasso, voltou a comentar sobre a relação turbulenta com o ator e sua tentativa de seguir os passos do irmão no mundo da atuação.Em conversa para o podcast 4TalkCast, Thiago confessou: “Eu nunca fui um cara que quis ser famoso, melhor do que meu irmão. Isso era coisa da mídia”.

“O meu irmão sempre foi apaixonado pelas artes. Ele é um artista, muito bom, ele tem esse DNA. Eu nunca tive esse DNA, sempre fui da resenha, do entretenimento, do futebol… Eu nunca me encantei pelo mercado”, prosseguiu o mais novo.

Apesar de não ter o mesmo interesse pelo mundo artístico como o irmão, Thiago chegou a participar de novelas e programas da Record como Luz do Sol, Mutantes e também A Fazenda.

“Eu assinei um contrato quando eu era mais novinho, mais bonitinho, mais magrinho e estava mais em dia com a vida. Assinei um bom contrato por quatro anos, eu era promessa da Record para ser o novo galãzinho e eu não queria fazer nada. Eu não queria nem gravar. Eu estava cagando, desmerecia esse trabalho”, confessou ele.

Você viu?

Adiante, Thiago revela que o motivo que o fez continuar na Record foi o dinheiro que recebia. “Eu estava apanhando da mídia e estava cagando para a profissão. Eu nunca me encontrei ali, mas 10 ‘paus’ em 2007, com 17 anos… Eu não tinha a dimensão das coisas”.

Bruno e Thiago mantêm uma relação distante e conturbada em razão da divergência política, já que Thiago se denomina apoiador do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), ao contrário de Bruno, que frequentemente utiliza as redes sociais para criticar a postura do governante. 

Apesar disso, Thiago diz que entende o irmão: “Nunca tivemos ciclos de amizades parecidos. Ele sempre defendeu causas, muito politizado. Ele sempre foi politizado pela esquerda. É uma doutrina. E ele pegou muitos personagens assim, eu compreendo ele. Ele pegou personagens gays e coisas que mexeram com ele”.


    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários