Morte dos Mamonas Assassinas completa 25 anos
Reprodução Instagram
Morte dos Mamonas Assassinas completa 25 anos


Célia Alves, mãe de Dinho, está preparando um livro onde conta a história dela com o filho. Ele era vocalista da banda Mamonas Assassinas, que sofreu o trágico acidente na Serra da Cantareira, que tirou a vida dele e de todos os integrantes da banda. 


O grupo estava no auge da carreira quando o helicóptero em que estavam acabou caindo, sem sobreviventes. Célia revelou ao Jornal Extra que a obra está sendo concluída e o lançamento tem previsão para o fim de 2021. 

Você viu?

Ela conta no livro como a fé a ajudou a conviver com a saudade, mesmo não superando a dor. "A dor não passa nunca, a gente só aprende a seguir adiante e a lidar com ela", disse. 

O lançamento do livro antecede o filme que também irá contar sobre a banda, no qual as filmagens foram interrompidas por conta da pandemia da Covid-19, com previsão de estreia apenas 2022. 

No último mês, a famosa Brasília amarela dirigida por Dinho e banda no videoclipe de 'Pelados em Santos', foi totalmente recuperada pela família do vocalista. 

Também recentemente, Nereide Nogueira, musa do clipe 'Pelados em Santos', revelou imagens inéditas dos bastidores do clipe, lançado um ano antes da trágica morte da banda, em março de 1996. 

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários