Rainha Elizabeth II
Reprodução/Instagram
Rainha Elizabeth II

Peter Phillips, neto da rainha Elizabeth II , foi alvo da polícia da Escócia depois de quebrar o lockdown para visitar uma mulher casada. Segundo o jornal britânico "Metro", o filho mais novo da princesa Anne teria viajado mais de 700 km Gloucestershire, na Inglaterra, até St Cyrus.

Por conta da pandemia do novo coronavírus, a viagem entre os países está proibida. A mulher que Peter visitou é Lindsay Wallace, filha de um magnata do petróleo, conforme relatou o "The Sun". Ela é amiga de Zara Tindall, irmã de Peter, desde que as duas estudaram juntas na Escócia.

O neto da rainha foi questionado pela polícia após uma denúncia de que o carro dele teria sido visto em frente a casa de Lindsay , mas os oficiais não encontraram provas de que ele tenha quebrado a quarentena. Ao jornal, a polícia disse: “Os agentes compareceram, falaram com os ocupantes e não encontraram violações da legislação”.

Um porta-voz de Peter disse que ele não quebrou a quarentena pois viajou a trabalho. Sobre a visita, o comunicado acrescentou: “Não comentamos detalhes ou circunstâncias da acomodação de Phillips quando viaja a negócios".

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários