MC Maylon Anderson Leonardo, vocalista do Molejo
Reprodução Instagram
MC Maylon Anderson Leonardo, vocalista do Molejo

O cantor e dançarino MC Maylon acusa Anderson Leonardo, vocalista do Molejo, de estupro . Os dois deram uma entrevista ao jornalista Roberto Cabrini que foi ao ar no "Domingo Espetacular" na noite desse domingo (14). O jovem reforçou que sofreu uma violência sexual e contou que tentou se matar duas vezes após o suposto crime.

"Eu não estava bem. Tentei me matar duas vezes, fui entrando em depressão", disse MC Maylon. O dançarino também contou o que teria acontecido no dia em que ele e Anderson foram ao motel. "Ele bateu no volante e falou: 'você está desconfiado do pai?'. Ele falou: 'sou uma pessoa pública, as pessoas não podem me ver", conta.

Maylon fala que no quarto ele tentou resistir a Anderson e pedia para o pagodeiro parar, pois ele era virgem. "A única coisa que eu falava para ele era: 'pai, para. Pai, eu sou virgem'. Ele agarrou no meu braço e começou uma briga corporal entre eu e ele", diz. O rapaz chamava Anderson de "pai" e tem uma tatuagem do rosto do cantor no braço.

Anderson também deu entrevista ao programa da Record e disse novamente que a relação entre ele e Maylon foi consensual. "Foi tudo permitido. Eu gosto de pessoas e sou um cara que não sou preconceituoso. Não pode-se dizer que sou gay nem que sou bi", falou.

Ele também disse não estar preocupado com o resultado do laudo das provas que o dançarino entregou. O jovem deixou na delegacia a cueca que estava usando no dia do suposto crime, que teria ficado suja de sangue e de esperma de Anderson. "O que eu fiz e faço entre quatro paredes, ninguém precisa saber de nada. A verdade vai aparecer", concluiu o vocalista do Molejo.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários