Shia LaBeouf e FKA Twigs
Reprodução/Shutterstock
Shia LaBeouf e FKA Twigs


FKA Twigs está movendo um processo contra o ator Shia LaBeouf, mais conhecido por sua participação em 'Transformers'. Segundo informações do The New York Times, a cantora cita em documento vários episódios abusivos durante o relacionamento que teve com Labeouf entre 2018 e 2019.

Segundo o processo, aberto no Tribunal Superior de Los Angeles, em Los Angeles, LaBeouf teria transmitido, conscientemente, uma doença sexualmente transmissível a FKA. Ele o acusa de "abuso implacável", incluindo agressão sexual e imposição de sofrimento emocional.

Episódios abusivos

Um dos episódios de abuso relatados por FKA Twigs teria acontecido no dia dos namorados de 2019. Segundo a artista, eles estavam no carro em movimento, quando LaBeouf começou a acelerar e fazer manobras arriscadas, insistindo que ela "professasse o seu amor" para que ele parasse. A cantora teria implorado para sair do carro. Pouco depois de conseguir sair, Shia também abandonou o carro também e a agrediu, a convencendo a voltar ao carro. 

Você viu?

A cantora também alega que já acordou no meio da noite com LaBeouf em cima dela, as mãos em sua garganta, ameaçando sufocá-la. Além disso, ainda segundo FKA, o ator costumava apertar seu braço e pulso durante discussões, deixando hematomas e ele, propositalmente, teria a infectado com uma doença sexualmente transmissível.

Karolyn Pho, estilista que também é ex-namorada de Shia, descreveu experiências abusivas que teve com o ator ao jornal norte-americano. Algumas delas, inclusive, constam no processo e fazem parte de um "padrão de abusos" por parte do artista.

Alcoolismo como desculpa

Em resposta sobre o processo ao New York Time, Shia disse ter enfrentado o alcoolismo por um período. "Não estou em posição de dizer a ninguém como meu comportamento os fez se sentir", disse ele em e-mail. “Não tenho desculpas para o meu alcoolismo ou agressividade, apenas racionalizações", afirmou.

"Tenho sido abusivo comigo mesmo e com todos ao meu redor por anos. Tenho um histórico de ferir as pessoas mais próximas de mim. Tenho vergonha dessa história e sinto muito por aqueles que magoei. Não há mais nada que eu possa realmente dizer", disse ele.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários