Latino
Reprodução Instagram
Latino

Dayanna Maia, filha primogênita de Latino , processou o cantor por dever mais de R$ 400 mil em pensão alimentícia . Em resposta, o artista disse que a pandemia prejudicou seus rendimentos e que, neste período, resolveu priorizar os filhos mais novos.

“Ela tem 25 anos, trabalha, tem seu próprio dinheiro, não é justo que num momento tão difícil, onde não se pode nem fazer shows, ela queira exigir que o pai pague R$ 400 mil”, disse Latino , em entrevista ao Yahoo .

Segundo o cantor, ele assinou um acordo de que pagaria três salários mínimos para a filha até que ela completasse 24 anos. Esse acordo, porém, não foi cumprido. Além de Dayanna, ele tem outros nove filhos.

Sobre o atraso no acordo, Latino disse precisou priorizar os filhos menores. “Ajudei [ela] até os 18 anos e depois tive que parar. Segurar a barra de 10 filhos? Não é fácil. Tive que priorizar os filhos menores. Não quer dizer que não a ajudei, ajudei muito. Prefiro acreditar que foi uma atitude impensada dela, assim poderei continuar idolatrando minha filha”.

    Veja Também

      Mostrar mais