O cantor Latino revelou que foi viciado em sexo e precisou ser internado para tratamento. Em entrevista ao jornalista Leo Dias, ele ainda contou que tinha a necessidade de transar 10 vezes por dia.

Leia também: Latino adota rapaz, mas não paga pensão para filha com Kelly Key

Latino arrow-options
Divulgação
Latino


Leia também: Latino tenta quitar dívida de R$ 300 mil com condomínio

E não foi só isso que Latino  contou sobre o seu passado. Ele também revelou que foi à falência três vezes após a fama. A primeira aconteceu por um outro vício do artista: apostar em corridas de cavalos. Para se recuperar financeiramente, ele vendeu tudo o que tinha. “Vendeu carro, casa, terreno, tudo o que tinha. Ficou pobre mesmo”, afirmou Leo Dias.

Leia tambem: Latino deixa diferenças de lado e parabeniza Kelly Key: "Gratidão pela sua vida"

Roberto de Souza Rocha virou Latino quando morava nos Estados Unidos. Mas, após ser preso roubando carros no país, ele foi extraditado para o Brasil. O cantor esclarece que não vendia peças de forma ilegal, mas sim praticava os crimes com um amigo para, simplesmente, ir a baladas. “E era para pegar a mulherada, sair, ir para a balada. Era só para chegar à balada e depois largava o carro”.

    Veja Também

      Mostrar mais