Kim Jeonghwan, mais conhecido pelo nome artístico Yohan, integrante do grupo de K-pop Top Secret (TST) morreu na terça-feira aos 28 anos na Coreia do Sul, de acordo com o Severance Hospital, no bairro Sinchon, em Seul. O velório será realizado no Cemitério do Parque Católico de Yongin na quinta-feira (pelo horário local).

Leia também: Cantores de K-pop são condenados por estupro coletivo

Yohan
Reprodução
Yohan tinha 28 anos e era vocalista da banda de K-pop TST


A informação foi divulgada pelo portal de notícias sul-coreano "SPOTV News". A causa da morte, contudo, não foi revelada a pedido da família, segundo o site. A empresa que gerencia a carreira do grupo, KJ Music Entertainment, tardou a se pronunciar, o que gerou apreensão entre os fãs.

Leia também: De Psy a BTS: a explosão do K-pop no Brasil vive seu auge

Algumas horas após a notícia da morte do artista, a KJ Music confirmou o ocorrido, classificando-o como "uma situação muito desoladora". A agência acrescentou que a família de Yohan está bastante abalada e pediu compreensão dos fãs e que não sejam feitas especulações sobre sua morte. "Lamentamos profundamente o caminho final de Yohan", afirma a empresa em nota.

Nas redes sociais, os admiradores do Top Secret demonstraram temor pelo que ocorreu com o artista antes do pronunciamento da gravadora. Seu nome entrou nos assuntos mais comentados do Twitter, com mais de 50 mil posts por volta das 23h. Diversas fanbases de K-pop prestam homenagens e deixam de utilizar hashtags de divulgação de seus artistas favoritos em respeito à morte do vocalista.

A reação é em sua maioria de espanto, pois eles vinham acompanhando suas atividades nas redes sociais. Em uma publicação do dia 16 de abril, ele apareceu comemorando seu aniversário. Ele também vinha se comunicando com os fãs pelo Naver V Live.

O último post de Yohan no Instagram, feito em 31 de maio, contém uma sequência de fotos suas de frente para o mar ou alguns prédios. Na legenda, ele escreveu: "Eu quero viajar", ao lado de um símbolo de avião.

Yohan debutou na indústria musical sul-coreana em 2017 como um membro do grupo Top Secret, que lançou em janeiro o single album "Count down".

Leia também: Ex-integrante de grupo de k-pop, Sulli é encontrada morta aos 25 anos

Outras celebridades sul-coreanas morreram enquanto ainda eram jovens nos últimos anos, como o cantor Jonghyun, do grupo SHINee em 2017, aos 27 anos; o idol Seo Min-Woo, vocalista do 100%, em 2018, aos 33 anos; a artista Sulli, ex-integrante do f(x), em 2019 aos 25 anos; a cantora Goo Hara, ex-membro do grupo Kara, pouco depois aos 28 anos; e os atores Cha In Ha e Park Ji Hoon, neste ano, aos 27 e 31 anos, respectivamente, além da atriz Go Soo Jung, aos 24 anos. As causas da morte dos artistas mencionados variam entre suicídio, como consequência de transtornos mentais, e doenças físicas.

    Veja Também

      Mostrar mais