O ator da Globo Juliano Laham contou em suas redes sociais que teve 70% do seu pulmão afetado pelo novo coronavírus . Ele contou que precisou ficar internado na UTI (Unidade de Terapia Intensiva) e passou mais 37 dias em completo isolamento social.

Leia também: Jornalistas brigam ao vivo por causa de suposto remédio para Covid-19; assista

Juliano Laham
Reprodução/Instagram
Juliano Laham


"Assim que começou a se falar de coronavírus no Brasil, decidi vir para São Paulo ficar com a minha família e seguir as recomendações da OMS ao lado deles", escreveu o ator de "Orgulho e Paixão", da Globo .

Leia também: Madonna diz que seu teste mostrou anticorpos do novo coronavírus

"Comecei a passar mal, tive os seguintes sintomas: falta de ar, dores no corpo (mais precisamente cabeça e estômago) e, mais tarde, alguns episódios de vômito com sangue, que foi o que me fez recorrer ao hospital", completou Laham que participou do " BBB 16 ".

O ator contou que além de Covid-19 foi diagnosticado com miocardite viral e que seus dois testes para doença deram falso-positivo. "Dessa vez, causada pelo vírus (há 2 anos, dia 10 de maio de 2018, tive a minha primeira miocardite). Recebi a notícia que meu pulmão estava 70% acometido e fui internado na UTI."

Leia também: Após relatarem sintomas da Covid-19, famosos são vistos circulando na rua

"Assim que comecei a melhorar, recebi alta por conta do receio dos médicos de que eu adquirisse uma infecção hospitalar, continuo seguindo as recomendações deles, tomando diversos medicamentos, isolado no quarto dentro de casa, para não colocar minha família em risco", disse o artista da Globo .

Ver essa foto no Instagram

Relato do que passei nos últimos dias. 👉🏻

Uma publicação compartilhada por Juliano Laham (@julianolaham) em


    Veja Também

      Mostrar mais