O príncipe Harry e sua esposa Meghan Markle estão entregando comida a residentes de Los Angeles que vivem com doenças críticas. O casal, que atualmente vive nos Estados Unidos, se ofereceu voluntariamente para participar do Projeto Angel Food. Eles passaram o último domingo de Páscoa entregando refeições não perecíveis e, na quarta-feira (15), os ex membros da realeza britânica voltaram a entregar alimentos para cerca de 20 pessoas.

Leia também: Meghan Markle proíbe príncipe Harry de visitar o pai Charles que tem Covid-19

Príncipe Harry e Meghan Markle arrow-options
Reprodução/Instagram
Príncipe Harry e Meghan Markle são voluntários em projeto social nos EUA


Leia também:Meghan Markle e Príncipe Harry não passarão o aniversário do filho com a realeza

O diretor executivo do Projeto Angel Food, Richard Ayoub, contou, em entrevista à ET Online , como o casal entrou em contato com a instituição de caridade depois de saber que seus motoristas não estavam dando conta de distribuir alimentos para as pessoas necessitadas durante a quarentena.

“Eles nos disseram que ouviram que nossos motoristas estavam sobrecarregados e queriam se voluntariar para diminuir a carga de trabalho deles”, contou Richard. O diretor executivo aproveitou para ressaltar que o casal seguiu as rígidas diretrizes de distanciamento social, usando máscaras e luvas e mantendo no mínimo um metro de distância de qualquer pessoa.

Leia também: Harry e Meghan ficam distantes de Kate e William em despedida da realeza

O Projeto Angel Food serve 1.600 refeições por dia, mas essa quantidade deve subir para 2.000 durante a crise do coronavírus, isso tudo para garantir que as pessoas que estão no grupo de maior risco sejam alimentadas.

    Veja Também

      Mostrar mais