Flávia Alessandra relembrou uma das maiores polêmicas na qual já esteve envolvida e até hoje sente as repercussões do ocorrido. A atriz defendeu o direito da filha mais velha, Giulia, a herança de Marcos Paulo . A global foi casada com o diretor de televisão que morreu em 2012. 

Leia também: Flávia Alessandra revela reação de amigos ao descobrirem romance com Otaviano

Flávia Alessandra arrow-options
Reprodução/Instagram
Flávia Alessandra relembra as polêmicas envolvendo a herança de Marcos Paulo

A artista recordou da briga pela herança que se deu logo após  a morte de Marcos Paulo.  Flávia Alessandra contou em entrevista à revista Joyce Pascowitch que sofreu com o julgamento das pessoas, mas o que mais lhe causou dor foi ver o sofrimento da filha, que até hoje fica abalada com a morte do pai. 

Leia também: "Foi um desastre", relembra Flávia Alessandra sobre 1ª vez com Otaviano Costa

"Nunca vivi tanta exposição. Para a Giulia é terrível, ela não consegue enterrar o pai. Como se não bastasse a perda, tem a vida exposta, com gente condenando-a sem saber a verdade. Esses dias ela estava chorando, com saudade. E eu não vivi isso, então, falo, ‘amor, não sei o que te dizer’. É muito difícil. Filho a gente devia poder colocar numa caixinha e proteger de todos os males. Era tudo o que queria ", contou a atriz. 

Leia também: Flávia Alessandra transforma o visual para novo papel na Globo

Antes de morrer, Marcos Paulo deixou uma carta dizendo que Antonia Fontenelle , esposa dele na época, teria direito a 60% dos bens do apresentador. Porém, o documento não foi autentificado e a partir de então começou uma briga judicial entre a atriz e as filhas do diretor, Giulia, do casamento com Flávia Alessandra, e Mariana, fruto da relação com Reneta Sorrah. No fim, Fontenelle foi reconhecida como uma das herdeiras, mas até hoje as famílias se envolvem em algumas polêmicas.

    Veja Também

      Mostrar mais