Tamanho do texto

Em entrevista, o artista afirmou que foi preso, apanhou dormiu nas ruas e precisou usar o próprio corpo para conseguir dinheiro para comer

O cantor Elymar Santos revelou que passou por poucas e não tão boas antes que suas músicas virassem um sucesso. Em entrevista divulgada nesta quinta-feira (12), ele confessou que já foi garoto de programa no período da sua adolescência.

Leia também: Mulher de Zezé Di Camargo exibe ótima forma em clique de biquíni

Elymar Santos arrow-options
Reprodução/Instagram
Elymar Santos


Leia também: Antonia Fontenelle comenta polêmica com ex-global: "Deve estar me agradecendo"

“Já paguei por sexo e já fui pago também. Ou eu ganhava um dinheiro assim ou passava fome. Com meus 16, 17 anos, tive problemas em casa e caí no mundo. Convivi com marginais, fui preso, apanhei, dormi em banco de praça. A vida era um jiló. Não fiquei amargo, mas não posso esquecer o que vivi”, afirmou o cantor .

Leia também: Naldo Benny protagoniza climão com irmão de Cristiano Araújo

Ao jornal Extra , Elymar Santos lembrou ainda da relação que tinha som a assessora que foi interropida por conta de um câncer. "Tivemos uma parceria de 25 anos. Ela cuidava de tudo, eu só me preocupava com figurino e repertório. Quando o câncer a levou, naquele 19 de janeiro de 2017, o mundo desabou", relembrou o cantor .