Tamanho do texto

George foi o novo assunto do cantor, que relembrou os vícios do amigo, sua homossexualidade e ainda revelou que o mesmo já não queria mais viver

Elton John continua fazendo dos artistas sua pauta do momento, a fim de divulgar a biografia "Me Elton". Desta vez, em entrevista ao programa de Sharon Osbourne, o cantor fez de George Michael seu assunto.

Leia também: Em livro, Elton John afirma que Michael Jackson era "uma pessoa perturbadora"

Elton John arrow-options
Divulgação
Elton John

Leia também: Elton John detona Madonna em livro: "desagradável e nojenta"

Na ocasião, Elton John relembrou algumas coisas do amigo, incluindo os vícios. “Eu sugeri que ele mudasse de vida, que talvez ele seria mais feliz se tentasse, mas George ficou ressentido com a sugestão”, admitiu o cantor .

Leia também: Elton John revela antigo método de Rod Steward para dispensar amantes

Ao falar sobre o dia da morte de George Michael , em 25 de dezembro de 2016,  Elton John aproveitou para pontuar que o artista já não tinha o desejo de viver e também falou sobre sua homossexualidade, assumida em 1998. “Ele não queria viver. Apesar de dizer que estava bem com a homossexualidade, ele não se sentia confortável em ser gay”, declarou.