Tamanho do texto

A atriz falou abertamente sobre seu relacionamento com Lan Lanh, além de relembrar primeiros amores e primeira mulher com quem se relacionou; veja

A revista Merie Claire de agosto, fez  sucesso desde chegou nas bancas ao falar do relacionamento da percussionista Lan Lanh , de 50 anos, e Nanda Costa, de 31.  A atriz, atualmente no ar em "Segundo Sol", finalmente sentiu-se pronta para falar do relacionamento.

Nanda Costa falou abertamente sobre seu relacionamento
Crédito: Brunno Rangel
Nanda Costa falou abertamente sobre seu relacionamento


"Não acho que eu me escondi, acho que eu me preservei. A gente vive num país extremamente preconceituoso e eu não queria ser rotulada, como sempre buscam rotular. Eu sempre me senti muito livre", disse Nanda Costa durante a entrevista.

Bissexual mais do que assumida, a atriz revelou que foi bem aceita por sua família, diferente de sua primeira personagem lésbica na TV, a Maura da atual novela das nove, "Essa é minha primeira personagem gay. Mas ela também não é só isso, ela vai descobrir outras coisas, está vivendo", completou. " E eu fui com a minha alma e meu coração, porque a minha história é diferente da dela."

Leia também: "Gosto de quando me surpreendo comigo", afirma Nanda Costa

"Na minha família era com muito amor, mas assim, eles sentiram. Acho que a minha mãe e a minha vó mais ainda por medo do preconceito. E meu avô falou: 'Que bom que você não tá sozinha aí, que tá com uma pessoa que gosta de você'. O que é completamente diferente da minha personagem, que tem um pai homofóbico e machista."

Vida amorosa de Nanda Costa

Nanda Costa e a namorada Lan Lanh
Reprodução/ Instagram
Nanda Costa e a namorada Lan Lanh


A atriz contou que seu primeiro amor foi aos 16 anos, quando transou a primeira vez. " Era louca por ele. Em um fim de semana, iria para a formatura dele, no Rio, ele ligou e disse: ‘Não vem, não’ e acabou. Pensei que fosse morrer [risos]. A Maria Rita tinha acabado de lançar o primeiro disco, e ficava ouvindo no repeat a música ‘Ele não é de nada’.”

Em São Paulo, Nanda teve outros namorados. "Com o Fernando, fiquei três anos. Ele é maravilhoso. O amava de verdade e nunca tinha me apaixonado por uma mulher, nem pensado a respeito. Num Carnaval, em Paraty, saímos no ‘Bloco das Piranhas’, em que os homens se vestem de mulher. Ele passou rímel, batom, blush, botou salto e saia. Fez a barba. Olhei e falei ‘caramba’ [arregala os olhos]. Fiquei louca por ele e disse: ‘Fernando, você tá muito gata!’. E ele: ‘Fê, tá tudo bem, sou eu’. A partir daí, comecei a olhar diferente pras meninas.”

Já a primeira vez que Nanda Costa ficou com uma mulher, ela conta que não sabia se era bi ou lésbica. "Já ela tinha certeza que eu gostava de meninas! [risos] Na verdade, até hoje não tenho certeza sobre o que sou, e tudo bem. Não quero me rotular, sou livre para amar", explicou à Merie Claire

Leia também: O amor está no ar! Nanda Costa assume namoro com compositora Lan Lanh

"Namorei uma mulher. Aí depois me apaixonei por um cara. E agora? Como lidar com a expectativa alheia? As pessoas acham que sou gay, vão achar que tô de ‘fachada’. Começa uma cobrança dos outros, e de mim mesma, para me rotular. Enfim, voltando. Acabei me apaixonando por essa garota! Já era atriz de TV, fazendo novela, tinha medo da exposição. Aí nos beijamos, tomei coragem e me declarei. Ela riu e falou: ‘Achei que fosse só um beijinho. Não quero esse cargo de ser sua primeira, não’. Me dispensou!”, finalizou  Nanda Costa ao falar de relacionamento antes de Lan Lanh.