Tamanho do texto

Atriz não compareceu a cerimônia da premiação do Globo de Ouro neste domingo (7) e criticou protesto que fez artistas vestirem preto

A atriz Rose McGowan, de 44 anos, que é uma das vítimas que denunciaram o ex-produtor Harvey Weisntein  por abusos sexuais, alfinetou o protesto contra casos de assédio que dominou a cerimônia do  Globo de Ouro 2018 , realizada na noite do último domingo (7), na Califórnia.

Leia também:  Pregação de Oprah e filme sobre fúria e compaixão marcam Globo de Ouro

Rose McGown
Divulgação
Rose McGown

A desaprovação em relação às atrizes e atores que usaram preto no tapete vermelho como forma de protesto começou com um manifesto de Asia Argento no Twitter, que assim como Rose McGowan ,  foi vítima de abuso do ex-produtor. "Ninguém pode esquecer que você foi a primeira a romper o silêncio. Qualquer um que tente diminuir o seu papel nisso é um troll ou um inimigo do movimento. Você me deu coragem de falar. Estou com você até a morte", escreveu.

Leia também: Globo de Ouro: Assédio em Hollywood e Trump pautam piadas ácidas de Seth Meyers

Rose McGowan compartilhou a mensagem de Asia Argento em sua rede social e também se pronunciou sobre a premiação dizendo que o protesto era uma falsidade. “E nenhuma daquelas pessoas chiques usando preto para honrar nossos estupros teria levantado um dedo se não fosse por isso. Não tenho tempo para a falsidade de Hollywood, mas você eu amo, Asia”, respondeu. 

Leia também: Globo de Ouro: Blanca Blanco fura ato contra assédio e usa vermelho sensual






Leia também: Estrelas vestem tapete vermelho do Globo de Ouro de preto contra assédio sexual

O protesto

Os convidados da cerimônia emocionante do Globo de Ouro 2018 predomiram  o evento vestindo preto como forma de protesto contra os casos de abusos sexuais que crescem em Hollywood.  Rose McGown foi uma das primeiras mulheres a denunciar o ex-produtor americano Harvey Weinstein em outubro do ano passado e não compareceu à cerimônia neste domingo, sendo contra o manifesto.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.