Tamanho do texto

Rapper foi acusado por uma mulher de violenta-la dentro de seu ônibus de turnê na madrugada deste sábado (07) nos EUA

O rapper Nelly foi preso neste sábado (07), acusado de estupro , em Washington. De acordo com o site TMZ , a mulher (que não teve a identidade divulgada), alegou que foi violentada pelo rapper em seu ônibus de turnês, que estava parado no estacionamento de um supermercado. Ainda de acordo com a vítima, o ataque ocorreu na madruga de sexta para sábado.

Leia também: Dado Dolabella é solto após prisão por não pagar pensão

O rapper Nelly foi preso nos EUA neste sábado (07) acusado de estupro; músico foi liberado logo em seguida
Reprodução/Instagram
O rapper Nelly foi preso nos EUA neste sábado (07) acusado de estupro; músico foi liberado logo em seguida

Em consequência das acusações, o rapper foi preso, mas liberado logo em seguida. Os advogados do artista liberaram uma nota, onde alegaram que as acusações são falsas. “ Nelly foi vítima de acusações completamente fabricadas. Nossa investigação inicial mostra claramente que a alegação é desprovida de credibilidade e é motivada pela ganância e pela vingança. Eu estou confiante, uma vez que o caso for meticulosamente investigado, que não haverá acusação. Nelly está preparado para prosseguir todas as vias legais para corrigir qualquer dano causado por essa alegação claramente falsa”, declarou o advogado Scott Rosenblun.

Leia também: Após prisão, Fábio Assunção se pronuncia e nega o uso de drogas ilícitas

O rapper está atualmente em turnê com a banda Florida Georgia Line, e se apresentou em Auburn, Washington na noite de sexta-feira (06). Um show para este sábado esta marcado em Ridgefield, no mesmo estado, mas ainda não há informações sobre a procedência do show. De acordo com a polícia local, houve “causa provável” para prender o rapper. Nelly, que namorou a cantora Ashanti no passado, atualmente está em um relacionamento com Shantel Jackson.

Problemas legais

Essa não é a primeira vez que Nelly , nascido Cornell Haynes Jr., tem problemas com a lei. Em 2015 seu ônibus de turnê foi paradopela polícia, que encontrou metanfetamina, maconha e armas. Na ocasião ele foi preso e acusado por porte de drogas e armas, sendo liberado sob fiança. Além disso, em 2016 ele teve problemas com impostos, sofrendo alegações de dever cerca de dois milhões de dólares a receita federal.

Leia também: Não para de causar! Shia LaBeouf é preso de novo nos EUA

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.