Tamanho do texto

Produção elimina o médico após ele machucar a namorada durante discussão no último domingo; inquérito já foi instaurado

Marcos encurralou Emilly e colocou o dedo na cara dela durante discussão no
Reprodução/Globo
Marcos encurralou Emilly e colocou o dedo na cara dela durante discussão no "BBB 17"

A produção do "Big Brother Brasil" tomou a decisão de eliminar o participante Marcos Harter do reality show. O médico agrediu a namorada Emilly durante uma discussão na madrugada do último domingo (9). No mesmo dia, o programa se posicionou, dizendo que o caso era delicado e que Emilly não teria afirmado que foi agredida, portanto, Marcos continuaria no programa. Nesta segunda, no entanto, tudo mudou. Emilly foi submetida a um exame clínico que mostrou indícios de agressões e um inquérico contra Marcos foi instaurado.

Tiago Leifert iniciou o programa falando sobre a eliminação. "Analisamos o caso profundamente e decidimos, baseado na opinião da delegada titular da Delegacia Especial de Atendimento à Mulher, que ficou constatada uma agressão. No BBB, agressão gera expulsão e, por isso, Marcos está eliminado do programa", disse o apresentador. Marcos foi chamado ao confessionário e avisado da decisão, mas a conversa não foi mostrada pelo programa.

Ao vivo, o apresentador anunciou para as três participantes restantes, Emilly, Ieda e Vivian, que Marcos havia sido eliminado. "Foi constatada uma agressão pela polícia e, portanto, nós resolvemos tirar o Marcos do programa", disse Leifert. Agredida por Marcos, Emilly chorou  muito com a notícia. "Eu não sei o que está acontecendo", disse a sister. Para as colegas, ela defendeu Marcos, e afirmou que ele só havia perdido um pouco a cabeça. Vivian e Ieda ampararam a gaúcha e demonstraram aprovar a decisão da produção. "Pensa na sua família, não deve ser fácil ver isso. Algo muito pior pode ter sido evitado", disse Vivian

Leia também: Relação agressiva de Marcos e Emilly detona crise de identidade no "BBB"

Tiago Leifert voltou a entrar ao vivo e parabenizou a atitude de Ieda e Vivian. "Será uma honra para mim entregar o trofeu desse programa para uma de vocês três, mulheres incríveis. Parabéns por tudo", finalizou o apresentador. Ainda confusa e preocupada com a família, principalmente com o pais, Emilly seguiu chorando, incrédula com a situação.

A briga

O desentendimento começou durante uma conversa entre Emilly , Marcos e Vivian . A gaúcha perguntou ao namorado quem ele queria que vencesse o "BBB 17" , que respondeu que isso seria uma decisão do público. A resposta não agradou a estudante.


"Pra mim você falou várias vezes que queria que eu ganhasse e a Vivian ficasse em segundo. Mas daí na frente dela tu fala que prefere que o público decida? Na cara da Vivian você não diz, né?", reclamou Emilly. "Transbordou o meu balde. Chega", disse.

Leia também: Marinalva fala de briga pesada de Marcos e Emilly: "Me coloquei no lugar dela"

O cirurgião plástico parecia levar a discussão na brincadeira e estava rindo da situação, até que encurralou Emilly em um canto e gritou com ela. "Presta atenção! Você só está comigo por que eu quero que você ganhe? É isso?", perguntou. "Presta bem atenção, Emilly. Você tem que ficar comigo independente de quem eu ache que tem que ganhar. Você está me ouvindo?", continuou o médico, ainda descontrolado. Ainda contra a parede, a gaúcha tentou conversar com Marcos. "Mas não é isso que tu me disse o programa inteiro", disse.

O programa

Com a eliminação sumária de Marcos do "BBB", a prova do líder e a formação do paredão marcados para essa segunda foram cancelados e Ieda , Emilly e Vivian foram declaradas finalistas desta edição do reality. A votação será aberta na próxima terça-feira.

    Leia tudo sobre: BBB
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.