Gabriela Pugliesi promoveu empresa de helicópteros
Reprodução/Instagram
Gabriela Pugliesi promoveu empresa de helicópteros

Gabriela Pugliesi  utilizou as redes sociais para se defender das críticas de que teria usado a stiuação preocupante das enchentes na Bahia para fazer publicidade de serviços de helicóptero. A influenciadora, que estava em Barra Grande, no litoral baiano, publicou diversos vídeos na última sexta-feira (10), mostrando a dificuldade para sair do estado, devido às chuvas, e contou com a ajuda de uma empresa de táxi aéreo.

"Realmente tive que voltar para São Paulo porque tenho responsabilidades para cumprir como profissional. Eu não 'abandonei' a Bahia e jamais sobrevoaria locais afetados pelas fortes chuvas para promover uma empresa de táxi aéreo, como foi disseminado de forma maldosa e equivocada", disse Pugliesi num texto publicado nos stories.

A parte mais castigada pelas chuvas na Bahia está no sul do estado, de fato uma região que não foi sobrevoada por Pugliesi, que fez o trajeto Barra Grande x Salvador. Apesar disso, as críticas foram pela falta de "timing", ou seja, uma campanha publicitária realizada em meio a chuvas que castigam o estado. Pelo menos, três pessoas morreram (duas crianças e um adulto da mesma família), 3,7 mil ficaram desabrigadas e cerca de 70 mil foram atingidas pela enchente, a pior em 35 anos e que se intensificou a partir de terça-feira da semana passada.

Leia Também

A modelo disse ainda que tem ajudado seu estado natal sem precisar fazer "autopromoção" nas redes sociais.

"Muito triste com a situação da Bahia. Me corta o coração ver o lugar que eu tanto amo, e de onde vim, nessa situação. Vocês também sabem que eu estou morando esse ano metade do tempo na Península de Maraú. Na sexta-feira tive que ir embora para cumprir uma agenda de trabalho e não deixar pessoas em São Paulo na mão. Mal sabia eu que a situação se agravaria ainda mais na Bahia. Eu sempre farei tudo para ajudar e dar suporte a todos que precisam, principalmente diante de uma fatalidade como essa. Ajudo no offline (sem postar e me autopromover por meio disso). Esse é meu jeito".

Leia Também

Empresa se manifesta

Contratada pelo serviço, a Henrimar Helicópteros disse que o serviço com Gabriela Pugliesi já estava agendado e lamentou as enchentes no sul do estado.

"No último dia 10 realizamos o voo da cliente Gabriela Pugliesi no trecho Barra Grande x Salvador (BA). Um voo de retorno, cuja data já havia sido agendada desde a ida da passageira, no último dia 1. Apesar da chuva, o voo foi realizado dentro das condições de segurança operacional estabelecidas para o helicóptero. Salientamos que, assim como todos que contratam os nossos serviços e acima de qualquer parceria e publicidade, a passageira é cliente da nossa empresa e deve ser atendida como tal. No que diz respeito às chuvas e desastres ocasiados na região do Sul da Bahia nos últimos dias, lamentamos e nos colocamos à inteira disposição para missões de apoio aéreo, assim como já vem sendo feito".

Entenda o caso

Gabriela Pugliesi apagou as publicações, mas na sexta-feira mostrou que estava chovendo na Bahia quando precisou sair do estado. A modelo, com toalha na cabeça para se proteger da água, disse que não sabia se o helicóptero chegaria até ela por conta das condições climáticas. A influencer mostrou que atolou o pé ao ir para uma propriedade para pegar o voo. E foi muito criticada nas redes sociais pela falta de timing.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários