Recusa de pedido de desculpas do principal narrador da Globo motivou a saída do comentarista, que já estava com contrato vencido

Companheiros do progrma "Bem, Amigos!" há anos, Galvão Bueno e Renato Maurício Prado se desentenderam, ao vivo, durante as Olimpíadas. Os dois discutiram duante vários minutos no "Conexão SporTV" e o clima pesou .

Segundo iG apurou, Renato disse que só apareceria ao lado de Galvão de novo caso ele pedisse desculpas na TV. "Quando chegou na redação (do SporTV) em São Paulo, Renato berrava, exigindo uma retratação", disse um jornalista da casa que preferiu não se identificar. Antes disso, porém, o principal nome do Esporte na Globo já teria pedido a cabeça do comentarista, segundo a mesma fonte.

FOTOS: REL EMBRE AS MAIORES POLÊMICAS DE GALVÃO BUENO

VEJA TAMBÉM: OS MAIORES BARRACOS DOS FAMOSOS

Como o contrato de Renato já estava vencido e diante da recusa de Galvão de levar o caso novamente para frente das câmeras, houve o acordo para que ele fique fora do time do "Bem, Amigos!" e da SporTV. Procurada para comentar o caso, a assessoria do canal disse que ainda não tem informações sobre a demissão do jornalista.

LEIA TAMBÉM: Cacá Bueno sobre briga de Galvão com a esposa: "Posso garantir que isso tudo é um delírio"

Siga o iG Gente no Twitter e receba as últimas notícias dos famosos

O barraco entre os dois começou depois que o jornalista citou uma conversa na qual Galvão teria dito que o vôlei masculino só ganhou a medalha de prata em 1984 porque os países socialistas estavam fora das Olimpíadas, Renato e Galvão não se falaram mais e o comentarista foi afastado das produções do canal. Ele estava em Londres como colunista do "O Globo" e assim ficou.

Veja a confusão que foi ao ar, ao vivo, no "Conexão SporTV":

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.