Da esquerda para direita: Vera Fischer aos 70 anos e Vera Fischer com 17 anos
Reprodução Instagram
Da esquerda para direita: Vera Fischer aos 70 anos e Vera Fischer com 17 anos

Vera Fischer relembrou alguns episódios de assédio neste sábado (19) e falou sobre como os mesmos te afetaram psicologicamente. Eleita Miss Brasil em 1969 , ela logo fez a transição para o mundo da atuação. À época, segundo ela, o "machismo estava gritando", o que lhe rendeu algumas situações descontentes.

"Comecei [a carreira] no início dos anos 70, quando o machismo estava gritando. Acho que, mais psicologicamente, fui abusada, e isso me deixou muito para dentro. Eu era muito tímida e não era moda falar ou reclamar sobre isso naquela época", disse ela, em participação no "Altas Horas".

Vera, apesar de não ter sofrido nenhuma violência física, levou marcas dos abusos psicológicos que sofreu naqueles anos, quando tinha apenas 17 anos. "Não foi nada tão traumático fisicamente, foi mais o meu psicológico, gente dizendo ‘ela é uma loira burra gostosa, então a gente pode tudo’, ‘ela usa minissaia, usa shortinho, a gente pode atacar’. Isso dá o direito de a pessoa vir implicar comigo e querer passar a mão em mim? Não dá. Você pode se vestir como quiser, ter a idade que tiver, dizer o que quiser. É a sua vida. Isso mexeu comigo, com a minha mente, com o meu psicológico", explicou ela.

Para superar o trauma, a atriz e ex-Miss Brasil contou com o suporte familiar. "Graças a Deus, minha família sempre foi muito forte, muito severa e muito humana. Então, isso me deu um norte, fez com que eu me tornasse uma pessoa, aos poucos, mais compreensiva e também muito corajosa e muito forte".


    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários