O padre Juarez  está fazendo sucesso nas redes sociais após falar sobre preconceito no programa “Bendita Hora”, da Rede Vida, exibido na última segunda-feira (14). Ao receber um questionamento de um católico homossexual, ele decidiu dar sua opinião ao vivo sobre as polêmicas declarações da pastora Ana Paula Valadão, que chegou a dizer que a Aids era um castigo para os homossexuais.  

Padre Juarez e Ana Paula Valadão
Reprodução
Padre Juarez criticou comentários de Ana Paula Valadão

Ao responder a dúvida de um fiel gay que gostaria de saber se podia comungar, o padre disse que lembrou do que foi dito por Ana Paula Valadão e queria comentar. “Uma pastora falou que a Aids que está relacionada ao fato de existirem homossexuais. Você acredita nisso? Que nós escutamos uma pessoa falar sobre isso, uma pessoa que se diz líder religiosa falar que a Aids é culpa dos homossexuais? Isso é burrice misturada com preconceito”, declarou o religioso.  


Ele ainda acrescentou que um pouco informação ajudaria a pastora a não dar esse tipo de declaração. “Burra, sim, porque basta ler qualquer pesquisa científica e vai ver que não existe nenhuma relação da homossexualidade com a Aids. E preconceituosa afastando as pessoas e levando a considerar o outro como se fosse doente ou pecadores”, falou com um tom de indignação.

Na visão do padre Juarez, o que deve ser combatido é falta de empatia da pastora. “Preconceito, talvez seja essa a doença que precisamos combater, porque o preconceito é uma doença mais feia, mais horrível do que a própria Aids”, finalizou.

    Veja Também

      Mostrar mais