O humorista Renato Aragão, 85 anos, é mais um nome de peso que encerra seu vínculo com a Globo. Após 44 anos, a emissora divulgou que o eterno Didi Mocó não renovará o contrato que chega ao fim nesta terça-feira (30). Isso não significa que ele irá se aposentar e, entrevista ao colunista Mauricio Stycer, o comediante deixou claro que segue com disposição para trabalhar. 

Renato Aragão
Divulgação
Renato Aragão encerra seu contrato com a Globo


“Para mim, ampliou meus projetos. Você não sabe como eu estou gostando. É uma nova etapa. Não paro nunca, sempre trabalhando. Eu me considero meio máquina, meio humano”, declarou Renato Aragão que, nos 44 anos em que esteve na Globo, viveu ótimos momentos que ele diz que relembra com “muita alegria”.

“Primeiro, ‘Os Trapalhões’. São 20 anos de sucesso contínuo. Criei o ‘Criança Esperança’, que também foi uma maravilha. Depois a ‘Turma do Didi’. Fiz muita coisa, tive muita alegria na TV Globo, não tenho nada de ruim para falar. Estou muito feliz com ela”, garantiu o interprete de Didi Mocó.


Sobre o fim do contrato, Renato Aragão contou que houve um acordo. “Contrato é uma coisa simbólica. Continuo trabalhando na Rede Globo por projetos pontuais e faço projetos em outras plataformas. É a oportunidade de fazer também em outro lugar”, falou o artista que não quis dar detalhes, mas já está conversando com outros lugares e a especulação é que seja para algum projeto na Netflix ou na Amazon Prime.

Nos últimos meses, vários profissionais do alto escalão da Globo não tiveram o contrato renovado. O autor Aguinaldo Silva, o jornalista Zeca Camargo e os artistas Miguel Falabella, Vera Fischer e José de Abreu estão nessa lista que, pelo visto, só tende a aumentar.

    Veja Também

      Mostrar mais