Um comunidado do RH da Band tem circulado nas redes sociais na tarde desta terça-feira (31). Nele, a emissora diz que, devido à crise mundial por causa do Covid-19 e dos seus impactos no cenário econômico, ela deverá atrasar o PPR dos funcionários - a Participação nos Resultados, ou Participação nos Lucros e Resultados (PLR).

Leia também: Justiça manda emissora ser retirada do ar; canal recorre

Band arrow-options
Divulgação
Band


Leia também: Tensão na Globo: funcionários organizam protesto na emissora

"Comunicamos que repactuamos junto ao Sindicato dos Radialistas e Jornalistas o pagamento do PPR (Programa de Participação nos Resultados) que estava previsto para a folha de março, com crédito em 06/04/2020", disse a nota. A Band afirma, ainda, que a medida é tomada para que o Grupo consiga honrar a folha de pagamento mensal de seus funcionários , além de preservar o equilíbrio financeiro da empresa. A empresa espera viabilizar o crédito até julho.

Leia também: Record muda programação e tira Xuxa dos domingos

Os jornalistas da emissora, junto ao Sindicato dos Jornalistas, devem se organizar para tentar negociar a decisão da emissora. Eles devem se reunir coletivamente se aceitarão ou não a proposta, que vai contra o acordo assinado inicialmente pelos funcionários. As informações foram obtidas com exclusividade pela redação do iG Gente .

"Sobre o comunicado, como dizemos desde ontem, o sindicato tem posição contrária ao adiamento e ao mesmo tempo submete aquilo que vai fazer à decisão coletiva de vocês. Estou conversando com o nosso advogado e em seguida vou entrar em contato com o Sindicato dos radialistas também, mas o q importa agora é q está claro que a empresa decidiu, unilateralmente, adiar a PRR. da forma como estamos hoje, é descumprir a CCT", disse a Priscila a diretora do sindicatos sobre o posicionamento da Band .

Comunicado Band arrow-options
Band
Comunicado Band


    Veja Também

      Mostrar mais